VAR volta a roubar a cena em eliminação do Palmeiras para o Boca Juniors

Comentários()
Alexandre Schneider/Getty Images
Árbitro de vídeo anulou gol do Verdão, e jogadores do clube alviverde ainda reclamaram de pênalti no primeiro tempo

Assim como já havia acontecido na eliminação do Grêmio para o River Plate, o uso do árbitro de vídeo voltou a roubar a cena na outra semifinal da Copa Libertadores da América, que terminou com a eliminação do Palmeiras após empate em 2 a 2 com o Boca Juniors.

Dessa vez, porém, o recurso ajudou o colombiano Wilmar Roldán a anular o gol de Bruno Henrique por conta de impedimento de Deyverson. Naquele momento, o jogo ainda estava 0 a 0.

Palmeiras Boca Libertadores 31 10 2018
(Foto: Alexandre Schneider/Getty Images)

Os jogadores do Verdão, porém, reclamaram de outra uma jogada na qual a bola pegou na mão de um jogador do Boca e o VAR não foi acionado.

“Hoje tivemos um lance que pedimos o VAR, acho que não ia dar em nada. Alguém tem de mandar, ser o responsável, tem de assumir e não ficar escondido. Quem é o responsável? Fulano, mostro na televisão e para os torcedores. Senão tem muita coisa que vai ficar em dúvida", criticou Felipão.

Eliminado da Libertadores, o Palmeiras agora foca no Brasileirão, onde lidera com quatro pontos de vantagem para o Flamengo, que é o segundo colocado. Neste sábado (3), o Verdão disputa o clássico contra o Santos, pela 32ª rodada.

Próximo artigo:
Pogba e Matic atrapalham viagem de turistas australianos e se oferecem para selfie como pedido de desculpas
Próximo artigo:
Valverde reafirma ter total confiança em Coutinho no Barcelona
Próximo artigo:
Zagueiro do Nantes diz que Sala estava com medo de embarcar em avião desaparecido
Próximo artigo:
Diego usa Charlie Brown Jr. e Choque de Cultura para anunciar renovação com o Flamengo
Próximo artigo:
Rio Ferdinand diz ter sofrico com álcool no começo da carreira: "Cheguei a beber dez cervejas após os jogos"
Fechar