Notícias Placares ao vivo
Juventus

Ao lado de Cristiano Ronaldo, Bentancur é a maior arma da Juventus na temporada

09:29 BRST 20/11/2018
Rodrigo Bentancur Cristiano Ronaldo Juventus 2018-19
Após chegar a Turim 'sem fazer barulho', uruguaio se tornou peça fundamental no elenco bianconero para 2018/19

A chegada de Cristiano Ronaldo na Juventus movimentou o ataque da equipe italiana. Apesar de um começo sem gols na Juve, o português já mostra o faro de gols que todos esperavam. A surpresa, no entanto, é ver quem rivaliza com ele pelos holofotes na equipe: o uruguaio Rodrigo Bentancur.

Bentancur pode não ser tão idolatrado quanto o seu mais novo companheiro de equipe, mas o meia uruguaio, aos poucos, se fortalece no elenco da Juve e está se tornando um dos homens de referência no elenco do treinador Massimiliano Allegri.

O ex-Boca Juniors chegou na Juve em julho de 2017, após poucas semanas do 20 º aniversário. Como esperado, a primeira temporada no time italiano foi repleta de aprendizado e paciência.

Com apenas cinco jogos da Serie A 2017-18, Bentancur perdeu lugar para nomes como Sami Khedira, Miralem Pjanic e Blaise Matuidi, e as chances do uruguaio pareciam mínimas na situação atual. A transferência de Emre Can, do Liverpool, apenas aumentou a competição no setor de meio-campo da equipe, deixando o jovem uruguaio no banco enquanto a temporada dos Bianconeri começava de forma brilhante.

Tudo indicava para que o jogador de 21 anos já começasse a procurar um novo clube na janela de transferências. Em vez disso, porém, ele escolheu encarar o desafio de frente e, despois de uma boa Copa do Mundo com seu país, se tornou peça fundamental no elenco da Juve.


(Foto: Getty Images)

Jogadores na posição de Bentancur nem sempre chamam a atenção. Pelo menos, não se eles estão fazendo o trabalho corretamente. Na Juve, seu papel é jogar no meio-campo ao lado de Pjanic – uma parceria que espelha a dupla do uruguaio com o compatriota Lucas Torreira, na seleção - tocando a bola constantemente enquanto Matuidi faz o papel diretamente ligado a Cristiano Ronaldo, Paulo Dybala e Mandzukic.

Pode ser uma tarefa ingrata, e certamente, suas façanhas no Boca não também foram totalmente apreciadas pela exigente base dos torcedores argentinos, que na melhor tradição do país preferem que seus meio-campistas defensivos se aventurem no ataque com pouca consideração com a própria segurança ou com a de qualquer outra pessoa. Já Bentancur prefere o bisturi à marreta, ao ganhar as jogadas em campo de forma limpa e rápida antes de passar a bola.

Isso não quer dizer, é claro, que o jovem seja inflexível. Ele jogou regularmente em toda a linha do meio-campo nesta temporada, devido a lesões de Khedira e Can, e Bentancur soube aproveitar a oportunidade ao demonstrar estar à altura da tarefa, em todos os sentidos.

Bentancur foi o destaque da Juventus no duelo da Champions League contra o Manchester United, bem como na vitória sobre o Milan por 2 a 0. Com as boas atuações, o treinador da Juve, Massimiliano Allegri se tornou um admirador ao elogiar sua jovem revelação em outubro, depois de marcar um gol contra a Udinese.

"Rodrigo Bentancur me impressionou no meio-campo, tanto do ponto de vista tático quanto técnico, e obviamente marcou o gol também", disse o técnico da Juventus aos repórteres. Após a vitória sobre o Cagliari e outra boa exibição, o uruguaio recebeu novo elogio do comandante: “um grande jogo, ele está crescendo muito”.

“Sabíamos que ele tinha a qualidade e só precisávamos esperar um pouco para desenvolvê-lo. Ele cumpriu com as nossas esperanças tanto em quantidade quanto em qualidade, ele está crescendo e sabemos que terá mais chances de jogar”.

Bentancur se tornou o novo “queridinho” de Turim deixando de lado as primeiras dúvidas sobre o seu nítido potencial que promete torná-lo uma das estrelas do clube e da Itália nos próximos anos.