Notícias Placares ao vivo
Brasil

Tite admite sonho de jogar com a Seleção no Maracanã e brinca com revanche contra Bélgica

15:43 BRT 26/10/2018
Maracanã Torcida Flamengo x Corinthians Brasileirão 23 10 16
Seleção Brasileira completou um ano sem atuar em solo nacional e disputará amistosos na Inglaterra

Em 10 de outubro de 2017, o Brasil derrotou o Chile por 3 a 0 na Arena Corinthians no último jogo das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. Desde então, entre o Mundial da Rússia e amistosos, a Seleção não voltou mais para o território nacional, e não vai retornar até 2019.

Tite anunciou nesta sexta-feira (26) a lista para amistosos contra Uruguai e Camarões, jogos que ocorrerão na Inglaterra em novembro. Entre comentários sobre os jogadores chamados, a comissão técnica falou sobre o desejo de voltar ao Brasil.

"Nossa ideia é estar sempre próximo do torcedor, mas há dificuldades para trazer as seleções. Tempo de voo, existe um regulamento da Fifa. Até porque, quando conversamos sobre os jogos longe, temos mais de 80% de aproveitamento fora de casa. O Brasil não joga em casa, foram poucos os jogos, mas é difícil superar essas dificuldades", disse o coordenador de seleções Edu Gaspar.

(Foto: Pedro Martins/Mowa Press)

Se em solo nacional o jejum já superou um ano, o palco mais tradicional do futebol brasileiro vê um jejum ainda mais longo. A Seleção não atua no Maracanã desde a final da Copa das Confederações de 2013, quando conquistou o título em vitória por 3 a 0 sobre a Espanha.

O treinador naquela que é até agora a última conquista da equipe principal do Brasil era Luiz Felipe Scolari. O atual comandante do Palmeiras foi substituído por Dunga, que por sua vez terminou cedendo o cargo a Tite. E o atual técnico deseja uma partida na casa da final das Copas de 1950 e 2014.

"Um dos sonhos que eu tinha era de fazer um jogo como treinador da Seleção no Maracanã" admitiu Tite. "Pode ser a Bélgica", sugeriu o comandante, lembrando com humor do carrasco do Brasil na Copa de 2018.