Situação de Rueda, reforços, empréstimos: o que o Fla precisa ajustar neste início de ano

Comentários()
Gilvan de Souza/CR Flamengo/Divulgação
2018 mal começou e a diretoria do Flamengo já tem várias pendências a serem resolvidas

O ano de 2017 foi um verdadeiro pesadelo para a torcida do Flamengo. O Rubro-Negro não soube corresponder as altas expectativas e decepcionou a sua torcida e mesmo com uma das folhas salariais mais altas da América do Sul, faturou apenas o Campeonato Carioca

Para não cometer os mesmos erros do ano passado, a diretoria do Flamengo precisa resolver algumas importantes pendências, entre elas a situação de Reinaldo Rueda.

Apesar de confiar na permanência de Rueda, o treinador só deve decidir seu futuro nesta semana. Em entrevista a uma rádio colombiana, seu auxiliar técnico deixou claro que o comandante ia analisar as propostas que recebeu e aí decidir o seu futuro. 

Reinaldo Rueda Flamengo Independiente Copa Sudamericana 13122017

Outro problema para a diretoria é a situação de Paolo Guerrero, o atacante que inicialmente havia sido suspenso por doze meses teve a sua pena reduzida para seis, o que ainda não resolve a situação do Flamengo que tem a Copa Libertadores da América pela frente já em fevereiro e não pode nem pensar em ser eliminado na fase de grupos. 

Há uma possibilidade de Guerrero ser absolvido agora em janeiro, o que possibilitaria que o clube utilize o atacante de imediato, mas contar com isso pode ser fatal para o Rubro-Negro, caso o peruano não seja absolvido terá muito pouco tempo para ir em busca de um substituto. E ainda que fique livre da punição, com as constantes lesões, suspensões, convocações para a seleção e ano de Copa do Mundo, não trazer outro atleta para a posição pode custar muito caro.

Marcio Araujo Flamengo Palmeiras Brasileirao Serie A 19072017
(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

Com uma das folhas salariais mais altas do futebol brasileiro, o Flamengo precisa negociar alguns atletas para desafogar a situação. Nomes como Márcio Araújo, Alex Muralha, Gabriel e Rafael Vaz podem ser emprestados ou negociados em definitivo, porém ainda não há nada de concreto em relação a esses atletas. 

Com apenas 5 milhões para contratar, a diretoria entende que o departamento de futebol necessita mais criatividade para as negociações. Com a meta de 4 reforços para o primeiro semestre, o Flamengo precisa correr contra o tempo para ter os novos jogadores à disposição já no dia 13 de janeiro, quando começa a pré-temporada. 

Fechar