Sergio Ramos minimiza ausência de Neymar e diz que jogo contra o PSG pode ser tratado como “final antecipada”

Comentários()
Getty Images
Real Madrid encara os franceses nesta terça-feira (6), no Parque dos Príncipes, com a vantagem de terem vencido o jogo de ida por 1 a 0

Em entrevista coletiva na véspera do jogo de volta das oitavas de final da Champions League contra o Paris Saint Germain, o zagueiro Sergio Ramos fez questão de elogiar o adversário, disse que o duelo pode se tratado como uma final antecipada e ainda minimizou a ausência de Neymar, embora tenha elogiado bastante o brasileiro.

“Neymar é um jogador diferente. Sofremos quando ele jogava no Barça. Mas o Di Maria também é um grande jogador e pode fazer um trabalho igual ao do 'Ney'. Então não muda nada”, declarou.

"Pode sim ser tratada como uma final antecipada sem olharmos o nível das duas equipes. Uma falha pode te deixar de fora", acrescentou.

Sergio Ramos Real Madrid
(Foto: Getty Images)

Confira outros trechos da coletiva

Marcelo recuperado: “Ficamos contentes em saber que um companheiro nosso se recuperou (Marcelo). Seu retorno representa uma cara alegre. É fácil defini-lo vendo a sua carreira. Sua presença será importante para o Real tanto a nível defensivo quanto ofensivo”

Acostumados com decisão: “O fato de a Champions League ser o nosso principal objetivo é uma motivação muito grande para este jogo. Estamos preparados e temos equipe para este tipo de jogo. Temos que ter coração e cabeça para conseguirmos passar esta eliminatória”.

Arbitragem: “O protagonismo não deve ser para o árbitro. Não creio que os árbitros estejam a favor de uma ou outra equipe, pelo menos daqueles que já conheci. A equipe de arbitragem fará o seu trabalho. Quanto ao PSG, eles têm as suas armas e nós as nossas, é lógico que as vão usar para nos desestabilizar".

Real Madrid x PSG - 02/2018

Fechar