Semana é decisiva para o fico de Tite: foco do trabalho deve ser Copa América 2019

Comentários()
MAURO PIMENTEL/AFP/Getty Images
Treinador deve dar uma resposta positiva à entidade nos próximos dias e já preparar próxima convocação

Tite e CBF entraram em uma semana decisiva quanto a permanência do treinador na Seleção. A ideia é de que o comandante dê sequência ao trabalho e renove por mais quatro anos, conduzindo o Brasil na luta por uma vaga na Copa do Mundo do Catar.

Com a proposta para ficar feita, Tite deve dar uma resposta nos próximos dias, principalmente depois de conversar sobre as bases do novo contrato. Vale ressaltar que, em menos de um mês o treinador vai precisar convocar a equipe que entrará em campo contra os Estados Unidos, no dia 7 de setembro, em Nova Jersey.

A próxima convocação, inclusive, já será o primeiro passo a ser realizado de um trabalho que, apesar de ter como meta 2022, vai ser feito também em função da Copa América de 2019, o primeiro objetivo a curto prazo da equipe. 

Tite Brasil treino 02062018
(Foto: Pedro Martins / MoWa Press / Divulgação)

Até a competição, que acontece entre junho e julho de 2019, no Brasil, a Seleção terá 8 jogos, quatro convocações, o que vai refletir no início de um trabalho, um novo ciclo. É possível que de olho no torneio, o treinador traga novidades, jovens talentos com chances de crescimento. 

Mais artigos abaixo

Também pode ser a hora de dar um descanso para alguns atletas mais experientes como no caso de Miranda e Thiago Silva na zaga, Marcelo e Daniel Alves na lateral e até Neymar. 

Nesta segunda-feira(23), a mãe de Tite, dona Ivone, revelou em entrevista ao Estadão que gostaria de ver o filho comandando a Seleção Brasileira na Copa do Mundo do Catar. Para ela, o trabalho deve continuar. 

Esse não é um pensamento apenas de dona Ivone, grande parte dos brasileiros quer a sequência do trabalho do treinador, que foi muito positivo durante os últimos dois anos. 

Fechar