Notícias Placares ao vivo
Brasileirão Série A

São Paulo, o único paulista a vencer, Flamengo na ponta, e mais: o resumo da rodada do Brasileirão

11:09 BRT 28/05/2018
Rossi - Internacional - 27/05/2018
Timão perdeu no último minuto com falha de promessa da base, e o Palmeiras perdeu para o Sport, em pleno Allianz Parque

A sétima rodada do Brasileirão chegou ao fim. Com alguns resultados surpreendentes, a derrota do Palmeiras em casa para o Sport pode ser considerada a grande zebra do fim de semana.

O São Paulo foi o único time paulista a vencer na rodada. Viajou até Minas Gerais para enfrentar o América-MG, no Independência, e venceu por 3 a 1, com gols de Diego Souza e dois de Nenê. Já o Santos recebeu o Cruzeiro no Pacaembu e perdeu por 1 a 0.

(Foto: Mourão Panda/América)

O Corinthians tomou a virada no último minuto contra o Internacional. Um escorregão de Mantuan em frente à área de Walter custou o resultado e o time de Itaquera perdeu por 2 a 1. Já o Palmeiras foi derrotado por 3 a 2 pelo Sport jogando no Allianz Parque, com direito a pênalti perdido por Keno no último lance.

O Flamengo jogou fechadinho contra o Atlético-MG e saiu vencedor do confronto. O gol de Everton Ribeiro colocou o Mengão na ponta isolada da tabela com 14 pontos. Já o Fluminense venceu a Chapecoense por 3 a 1 no sábado e foi “dormir líder”, mas teve seu posto roubado pelo rubro-negro.

(Foto: Flamengo/Divulgação)

O Vasco perdeu por 3 a 0 para o Bahia, na Fonte Nova. Zé Ricardo parece estar com o cargo cada vez mais ameaçado. O Botafogo, por sua vez, recebeu o Vitória e apenas ficou no empate por 1 a 1 contra o time de Salvador.

O Ceará e o Paraná – dois times que vieram da Série B – continuam sem ganhar no campeonato. O Vozão recebeu o atual campeão da América, Grêmio, e perdeu por 1 a 0. Já o Paraná apenas empatou com o Atlético-PR.

A rodada termina com o Flamengo, Fluminense, Galo, São Paulo, Corinthians, Palmeiras e Inter no G6.  O Cruzeiro está em décimo com 10 pontos e apenas quatro pontos atrás do líder Flamengo. O Santos, de Jair Ventura, está em 16º.