São Paulo descarta Robinho, sonda Aloísio Boi Bandido, mas valores e prioridade do jogador dificultam negociação

Comentários()
Rubens Chiri
Atacante que se destacou em 2013 pelo Tricolor está sem contrato, mas tem o desejo de permanecer no futebol chinês

Depois das contratações de Jean, Diego Souza e agora Anderson Martins, o São Paulo segue no mercado em busca de mais reforços e uma das prioridades é a chegada de um jogador para o ataque. Um dos nomes ventilados nos últimos dias era o de Robinho, mas o jogador foi descartado após discussão interna. Aloísio Boi Bandido, que teve boa passagem pelo Tricolor, foi outro nome levantado, mas alguns empecilhos praticamente inviabilizam seu retorno no momento.

Tanto Robinho quanto Aloísio estão sem clube, mas a situação de ambos é diferente. O São Paulo chegou a fazer contato com o ex-jogador do Atlético-MG, mas, após discussão interna o clube do Morumbi resolveu recuar por conta do seu histórico com o Santos, seu desempenho no Galo e também a condenação em primeira instância a nove anos de prisão por violência sexual na Itália.

Robinho Atletico-MG Jorge Wilstermann Libertadores 09082017
(Foto: DOUGLAS MAGNO/AFP/Getty)

Aloísio também está sem contrato após não renovar com o Hebei Fortune. O jogador, porém, nunca escondeu o desejo de seguir na China, onde está desde quando deixou o Tricolor, em 2014. Nesse período, atuou também no Shandong Luneng entre 2014 e 2016.

Além da vontade e de negociações para seguir na Ásia, o alto salário também assustou o São Paulo. O jogador recebe por ano cerca de R$ 19 milhões. 

Fechar