Rueda faz mistério, não entrega escalação mas explica como Flamengo vai jogar

Comentários()
Gilvan de Souza/CR Flamengo/Divulgação
Treinador ainda não definiu quem entrará no ataque e no gol Rubro-Negro

Mistério. É assim que podemos definir o clima no Ninho do Urubu nesta quarta-feira(6), antes do primeiro duelo da final da Copa do Brasil entre Flamengo e Cruzeiro. Com portões fechados, a equipe realizou o último treino de preparação para o jogo do Maracanã.

Mas engana-se quem pensa que o segredo ficou apenas nisso, Rueda também não quis revelar o time que entrará em campo amanhã deixando as principais duvidas no ataque e na meta Rubro-Negra. 

O colombiano fez alguns teste na equipe, colocou Thiago no gol, na vaga de Alex Muralha e experimentou uma formação sem centroavante, com um trio de ataque bem móvel formado por Vinicius Júnior, Everton e Berrío.

Berrío Éverton Ribeiro Flamengo Coritiba Brasileirão 22 07 2017
(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

"Pensamos essa situação com o Berrío, que jogou em um ou dois jogos como centroavante no Atlético Nacional. Uma vez entrou como centroavante e na outra virou centroavante durante o jogo. Jogamos a final da Libertadores com o Berrío de centroavante. É outra possibilidade que temos, por suas características. Todos estão muito dispostos: Vinicius, Everton e Orlando", disse Rueda.

Essa é a formação mais possível, porém, Rueda não confirmou. Ele também fez questão de destacar a qualidade de Lucas Paquetá, que atuou improvisado como contra-avante contra o Atlético-GO.

A verdade que Rueda pode usar o "mistério" para dificultar a vida de Mano Menezes que deve estar louco para saber como o Flamengo virá para encarar o Cruzeiro. Sem ideia, o colombiano pode aproveitar para confundir e surpreender o treinador adversário.

Mais artigos abaixo
Everton Marcelo Conceicao Flamengo Botafogo Copa do Brasil 23082017
(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

Se há mistério sobre os 11 que entrarão em campo, a forma de jogar não é segredo. O treinador fez questão de afirmar que deseja uma equipe atuando de forma inteligente, não dando espaço e pressionando o adversário.

"Penso que temos de fazer um jogo inteligente. Um jogo com muita ordem, com altíssimo nível de agressividade. O Cruzeiro sabe sair jogando com muita qualidade. Não podemos deixar. Temos de fazer um bom diagnóstivo e conhecer bem a situação de jogo. É a decisão dos jogadores. Tem de ter muita intensidade, muita intensidade e um altíssimo grau de atenção".

Flamengo e Cruzeiro se enfrentam nesta quinta-feira(7), às 21h45, no Maracanã. A partida é válida pelo primeiro jogo da decisão da Copa do Brasil. O duelo da volta acontece no dia 27, no Mineirão, nesse mesmo horário.

Próximo artigo:
Valverde interrompe rodízio e Messi vai para o jogo
Próximo artigo:
No Brasileirão 2018, Palmeiras teve menos a bola do que times da segunda divisão na Europa
Próximo artigo:
Onde vai passar o jogo do Barcelona contra o Levante, pela Copa do Rei?
Próximo artigo:
Corinthians projeta estreia de Boselli para o jogo contra a Ponte Preta
Próximo artigo:
Por que Conte - e não Pochettino - é o cara certo para o United?
Fechar