Rueda escolheu errado ao optar por Thiago; agora, setor segue ainda mais pressionado

Comentários()
Gilvan de Souza/CR Flamengo/Divulgação
Treinador deveria ter entrado com Alex Muralha, mais experiente e mexido com provocação feita por jornal

Curiosamente, goleiro, o tema mais polêmico do Flamengo na última semana acabou tendo participação decisiva no empate em 1 a 1 com o Cruzeiro no primeiro jogo da decisão da Copa do Brasil. Entre Alex Muralha, que foi vítima da ira dos torcedores após eliminação na Primeira Liga e acabou virando capa de um jornal com uma "brincadeira de muit omal gosto", e o jovem e inexperiente Thiago, que também havia cometido algumas falhas recentemente, Ruda optou pelo último que acabou falhando no gol adversário. 

Aos 21 anos, Thiago é bastante promissor, tem personalidade e é visto como um atleta com potencial de crescimento enorme dentro do clube. Uma grande aposta da diretoria que o bancou como segundo goleiro da equipe ao liberar Paulo Victor no primeiro semestre, em meio a disputa da Copa Libertadores da América.

Thiago - Flamengo
(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

Mas ainda assim, coloca-lo em campo numa final de campeonato com a dimensão que tem a Copa do Brasil, peso para o Flamengo na temporada e, claro, toda a pressão em cima do setor foi algo bastante arriscado. Rueda arriscou e acabou sendo traído pelo destino.

Mais experiente e rodada, Muralha está acostumado com as críticas e com as decisões, e até mesmo o episódio com o jornal poderia ser um motivo a mais para que ele desse a volta por cima. 

Diante do tema, o meia Thiago Neves conefessou após a partida que durante a semana o elenco do Cruzeiro conversou sobre aproveitar a pressão em cima dos goleiros Rubro-Negros para arriscar chutes e, quem sabe, surpreender o Flamengo. 

Mais artigos abaixo

"A gente já vinha falando isso durante a semana, para arriscar porque nós jogadores de linha podemos errar uma bola ou outra, o goleiro não, ainda mais na pressão que eles estão sofrendo o importante para a gente era acertar o gol, independente da onde tentar fazer com que a bola quicasse, pegasse velocidade e passasse a responsabilidade para eles. No Mineirão vai ser a mesma coisa, independente do goleiro também vai estar pressionado, vamos tentar passar a responsabilidade para eles e quem sabe um dos dois não volte a falhar".

Alex Muralha Flamengo x Santos Vila Belmiro Copa do Brasil 26 07 17
(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

Até mesmo no discurso, Thiago Neves deixou em aberto a possibilidade de Muralha voltar a meta flamenguista. Provavelmente nem ele acreditava que Reinaldo Rueda optaria pelo jovem Thiago e deixasse o experiente no banco de reservas. 

Com personalidade, Thiago encarou a imprensa e assumiu a falha, garantiu que vai manter a cabeça erguida e focar nos próximos jogos. Bela atitude de quem tem uma carreira inteira pela frente, mas independente disso, a pressão em cima da defesa Rubro-Negra será ainda mair para o jogo do Mineirão.

Próximo artigo:
Rhodolfo celebra gol, vitória e volta por cima no Flamengo: “Nunca deixei de trabalhar”
Próximo artigo:
Luan diz que balançou com proposta do Corinthians para deixar o Galo e deixa futuro em aberto
Próximo artigo:
Barcelona 3 x 1 Leganés: Messi sai do banco para garantir vitória do Barça no Camp Nou
Próximo artigo:
Jadson comemora paciência do Corinthians após empate no último minuto com o São Caetano
Próximo artigo:
Gattuso não convoca Higuaín contra o Gênova: ''Poderia fazer mais''
Fechar