Roberto Martínez: "Há convicção de que a Bélgica pode vencer a Copa do Mundo"

Comentários()
Getty Images
Treinador espanhol que está à frente da Seleção Belga acredita que a equipe nacional pode levar um inédito título mundial para a casa em 2018

banner Copa 2018

Roberto Martínez não tem dúvidas: "É possível vencer a Copa do Mundo". O espanhol que está à frente da Seleção Belga vê animação em relação ao time e confia no trabalho de seus comandados para levar a taça na Rússia.

O treinador concedeu entrevista coletiva na tarde dessa sexta-feira (29), três dias antes do jogo contra o Japão, pelas oitavas de final da Copa do Mundo, e falou sobre o sonho de faturar um inédito troféu para a Bélgica.

"Bem, eu acho que há uma convicção real de que a Bélgica pode vencer a Copa do Mundo. É natural, não é algo forçado. Acho que estamos no caminho. Penso que começamos, estamos trabalhando realmente duro a questão física. E acho que todo mundo chegou muito bem à Copa do Mundo", afirmou.

"Acho que os jogadores estão gostando do trabalho no futebol. Quando você vê um jogador que está gostando de jogar futebol, fica mais claro o que ele pode fazer no campo. Eu acho que há uma convicção. Agora, nós estamos imbatíveis por um longo tempo. Há um bom entendimento entre os jogadores. Creio que há uma oportunidade de enfrentar os melhores times do mundo", declarou.

Dona da melhor campanha na fase de grupos, com 100% de aproveitamento, a Bélgica enfrentará o Japão nas oitavas de final da Copa do Mundo. O jogo ocorre às 15h (de Brasília) desta segunda-feira (2), na Rostov Arena, em cidade homônima ao estádio.

Próximo artigo:
Cardiff emite nota e diz que está orando por boas notícias sobre argentino Sala
Próximo artigo:
Flamengo ainda busca solução para a zaga e lateral direita e esfria negociação para retorno de Jorge
Próximo artigo:
Toyota Football Stats vai se juntar à comunidade Goal Brasil no Facebook
Próximo artigo:
Boateng é apresentado no Barcelona e diz que Messi é o melhor de todos os planetas
Próximo artigo:
Jogo do Nantes é adiado após acidente aéreo com Sala
Fechar