Resumo dos estaduais: Vasco eliminado, golaço absurdo, fim da zica e sigam os líderes!

Comentários()
Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Cruzeiro conta com pintura de Arrascaeta para vencer clássico em Minas; Atlético-MG, Corinthians e Palmeiras também triunfam

O fim de semana teve clássicos e muita emoção pelos Estaduais espalhados pelo Brasil. O Palmeiras bateu o Santos, o Cruzeiro triunfou contra o América-MG, o Corinthians venceu mais uma, o Atlético-MG se recuperou com o primeiro gol de Ricardo Oliveira, o Vasco foi eliminado no Rio de Janeiro e ainda teve muito mais. A Goal Brasil te conta tudo o que rolou. Confira:


VASCO ELIMINADO


Semifinais definidas no Rio de Janeiro. O Vasco até venceu o Volta Redonda, no reencontro de sua torcida com São Januário, por 3 a 1, neste domingo (4), com gols de Thiago Galhardo, Rildo e Bruno Cosendrey. Marcelo descontou. Mesmo com o triunfo, contudo, o Gigante da Colina está fora da semifinal, já que o Bangu venceu a Cabofriense e enfrentará o Boavista no mata-mata. A outra semifinal será entre Botafogo e Flamengo.

Flamengo que, em Brasília, no Mané Garrincha, mesmo já classificado e líder do Grupo B, venceu o Nova Iguaçu por 1 a 0 com um golaço de Rhodolfo já nos minutos finais.


PINTURA NO CLÁSSICO E FIM DA ZICA


Já em Minas, o domingo teve pintura e fim de jejum. O Cruzeiro bateu o América-MG, no clássico com um Mineirão bonito e cheio, com mais de 50 mil pessoas, por 1 a 0. E o gol da vitória merece até placa. Foi um golaço de voleio de Arrascaeta. O camisa 10 definiu o dérbi em grande estilo e colocou a Raposa na liderança isolada do Campeonato Mineiro, com 13 pontos. O Coelho está logo atrás, com 10.

O terceiro colocado é o Atlético-MG, com oito unidades. Em um jogo sofrível, daqueles de dar "calos nos olhos", o Galo bateu a URT, em Patos de Minas, com emoção. Nos minutos finais, Otero salvou o Alvinegro de uma atuação sem inspiração com uma linda assistência para Ricardo Oliveira, que após três atuações medianas, enfim marcou seu primeiro gol com a camisa atleticana, decretando uma importante vitória para sua equipe.


RIVAIS EM BAIXA


No Rio Grande do Sul, a dupla Gre-Nal sofre neste início de temporada. No sábado (3), o Grêmio perdeu mais uma, desta vez em casa, para o Cruzeiro-RS, por 1 a 0. São quatro derrotas e um empate no Campeonato Gaúcho, e o time ocupa o 11º lugar, na zona de rebaixamento.

Já no Bento de Freitas, o Brasil de Pelotas levou a melhor e bateu o Internacional por 1 a 0, com gol de Itaqui, aos 40 minutos do primeiro tempo. O resultado manteve a invencibilidade dos donos da casa, que, com 13 pontos, seguem na vice-liderança, com a mesma pontuação do líder Caxias. Já o Colorado, com nove, está em quarto.


RIVAIS IMPARÁVEIS


Se no Sul os rivais estão mal, em São Paulo, eles estão imparáveis. No reencontro de Lucas Lima com o Santos, o Palmeiras venceu por 2 a 1, com gols de Antônio Carlos e Borja. Renato descontou para os visitantes. O Alviverde lidera o grupo C do Paulistão com 15 pontos e 100% de aproveitamento em cinco rodadas. O início de ano do Verdão anima sua torcida. Já o Peixe segue na ponta da chave D, com sete unidades.

O Corinthians também venceu mais uma. Agora, 1 a 0 sobre o Novorizontino fora de casa, com gol de Pedro Henrique. É a quarta vitória seguida do Timão, que com 12 pontos, lidera o grupo A. Já no sábado, o São Paulo, líder da chave B, com sete unidades, bateu o Botafogo-SP por 2 a 0, com gols de Diego Souza e Cueva.

Fechar