Renovação de Mané é a mostra de que o Liverpool mudou de patamar na Europa

Comentários()
Goal
O craque senegalês vem crescendo temporada após temporada e sua permanência em Anfield mostra o poder dos Reds

A renovação de contrato de Sadio Mané com o Liverpool é muito mais do que um reforço futebolístico. É uma afirmação da força e do poder dos Reds em tempos atuais. Do famoso trio que barbarizou grandes defesas no ano passado, Mané é o que mais vem se destacando nessa temporada. O técnico Jürgen Klopp entende que a permanência de Sadio mostra um caminho diferente de antes, quando os grandes jogadores atingiam o auge nos Reds e iam para outros clubes para dar o próximo passo.

"Isso mostra uma mudança no clube nos últimos anos. Há pouco tempo acontecia constantemente de jogadores estarem em grande fase e saírem do clube para dar o próximo passo. Agora nossos garotos claramente pensam que eles podem dar o próximo passo aqui. Isso é bom", disse o treinador alemão em entrevista coletiva nessa sexta-feira (23).

Mané parece entrar na lista dos poucos jogadores que atingiram seu auge e continuaram no Anfield. Nomes como Steven Gerrard, Jamie Carragher e Sami Hyypiä foram leais ao clube mesmo com a carreira decolando. 

O contrário tem acontecido com mais frequência. Nos últimos anos, os Reds contaram com grandes jogadores que deixaram o clube enquanto atravessavam ótima fase pessoal. É o caso de Luis Suárez, que quase levou o time então comandado por Brendan Rodgers ao inédito título da Premier League. Fernando Torres é outro caso simbólico. O 'El Niño' explodiu no Liverpool e foi considerado o terceiro melhor jogador do mundo em 2008, quando atuava na equipe. Em 2011, foi para o Chelsea em busca dos títulos que lhe escapavam em Anfield e acabou sendo importante para a conquista da Champions League do ano seguinte.

Liverpool Chelsea Fernando Torres Steven Gerrard Champions League 2009

Raheem Sterling, hoje destaque do Manchester City, viveu grandes temporadas nos Reds e mudou de lado por entender que não conseguiria ser campeão com o time vermelho. Hoje, naturalmente, conta o ódio mortal da torcida vermelha. Sob o comando de Guardiola, Sterling cresceu ainda mais e se tornou um dos jogadores ingleses mais importantes da atualidade. Mesmo assim, nunca marcou um gol sequer no seu ex-clube.

O brasileiro Philippe Coutinho é o último da lista de "desertores". O ex-Vasco da Gama ganhou notoriedade mundial vestindo o manto vermelho e no começo desse ano acabou deixando o Anfield rumo ao Camp Nou para atuar no Barcelona. 

Roberto Firmino Sadio Mane Mohamed Salah Liverpool West Ham Premier League 120818(Fotos: Getty Images)

Com 26 anos, Mané já começa a entrar em uma fase mais madura de sua carreira e mais regular. Nessa temporada, em 15 partidas somadas todas as competições, o senegalês anotou sete gols e tem sido parte fundamental dos planos de Jürgen Klopp. Sua permanência mostra que o Liverpool quer brigar por títulos e reviver os períodos de glória em que dominava o futebol inglês e europeu.

Fechar