Martínez no Real Madrid? Witsel teme que Bélgica perca seu treinador para os espanhóis

Comentários()
Espanhol é um dos favoritos a assumir o cargo de Julen Lopetegui após campanha história na última Copa

Com o grande desempenho da Bélgica na última Copa do Mundo, cresce o interesse dos grandes clubes do futebol europeu no técnico Roberto Martínez - entre eles o Real Madrid, que está em busca de um novo comandante. Nada que surpreenda o meia Axel Witsel, integrante do time que fez história com a terceira colocação no Mundial da Rússia.

Para o jogador do Borussia Dortmund, trata-se de um reconhecimento pelo trabalho desempenhado pelo espanhol à frente dos Diabos Vermelhos.

“Não fico surpreso, depois de todo o ótimo trabalho que fizemos com ele nos últimos anos, e em especial na última Copa do Mundo”, disse o jogador. “Não é surpreendente que um clube como o Real Madrid, se a intenção for real, esteja interessado nele.”

Publicamente, o técnico espanhol ainda não se manifestou sobre um possível convite dos gigantes de Madrid, mas Witsel acredita que qualquer proposta seria dificilmente rechaçada pelo comandante.

Axel Witsel Belgium
(Foto: Getty)

“Acho que ele não rejeitaria. É como acontece com qualquer jogador, é o Real Madrid!", afirmou. "Hoje em dia, os treinadores são como jogadores, um dia você está aqui e em seis meses, um ano ou dois, você já não sabe mais.”

“Se for realmente verdade e se ele tiver que sair, ele será franco conosco, eu acho. Fizemos um ótimo trabalho até aqui e continuaremos fazendo. Todos nós jogadores estamos todos felizes com o nosso técnico, e com sua filosofia. Se perdermos ele, seria uma grande perda para todos nós”, concluiu.

O Real Madrid está a procura de um novo técnico após a demissão de Julen Lopetegui. E o interino Santiago Solari vem sendo responsável por comandar a equipe, fazendo um bom trabalho de recuperação nos últimos compromissos da equipe.

Com Martínez, muito possivelmente, ainda à frente da seleção, a Bélgica encara seus dois últimos compromissos de 2018 pela UEFA Nations League em novembro: primeiro, recebe a Islândia em Bruxelas no dia 15, antes de viajar a Lucerna para encarar a Suíça no dia 18, um domingo.

Próximo artigo:
Os melhores jovens do Fifa 19: goleiros, defensores, meias e atacantes para o Modo Carreira
Próximo artigo:
Vasco no Brasileirão: artilheiros, garçons e demais números!
Próximo artigo:
Bi ou tetra? Entenda por que o Uruguai tem quatro estrelas no peito
Próximo artigo:
Campeonato Brasileiro 2018: artilheiros e garçons da temporada
Próximo artigo:
Internacional 2x0 América-MG: Colorado segue na perseguição do Palmeiras
Fechar