Promessa inglesa elege Neymar como seu jogador favorito: "Tira as pessoas do sério"

Comentários()
Getty Images
Atacante do Dortmund elogia o brasileiro: "individualidade em campo que não se vê todos os dias"

Jadon Sancho, que vem se destacando com a camisa do Borussia Dortmund, revelou que seu jogador favorito é Neymar, apesar da reputação do brasileiro.

"Quando cresci, meu jogador favorito era Ronaldinho", disse ele em entrevista ao Mirror. "Isso falar por si só, na verdade. Ele era um grande jogador e sempre atuava com um sorriso", completou.

"Agora é Neymar, porque ele é diferente. Ele tira as pessoas do sério. Obviamente isso não é bom, mas ele é apenas ele mesmo, ele está se expressando e eu amo isso. As pessoas talvez não tenham medo de fazer o que faz, mas elas simplesmente não farão o que ele está fazendo", analisou Sancho.

2018_12_6_neymar
(Foto: Getty Images)

"Eu só acho que quando você é diferente, você se destaca mais e eu gosto quando as pessoas se destacam porque é algo diferente, um individualidade em campo que você não vê todos os dias", disse.

Sancho deixou o Manchester City em 2017 com destino ao Borussia Dortmund. Agora com 18 anos, ele marcou seis gols e deu cinco assistências em 14 partidas na Bundesliga nesta temporada. E aconselha que outros jovens jogadores sigam seus passos.

"Acho que posso ser um modelo para as pessoas que estão crescendo. Ok, tenho apenas 18 anos, mas a idade é apenas um número. Se você é bom o suficiente, por que não? Especialmente na Inglaterra, os futebolistas não saem do país até que tenham pelo menos 22 anos", afirmou.

"Eu diria para qualquer pessoa: 'não tenha medo de me seguir e se transferir assim. Você está aqui por um motivo e é como jogador de futebol. Então, quando eles aparecem, você tem que arriscar, senão não conseguirá. Você não pode ser o seu melhor se não se arriscar", completou.

Mais artigos abaixo
Borussia Dortmund Mainz Jadon Sancho 24112018
(Foto: Getty Images)

A transferência de Sancho foi vista como um risco por muitos e surpreendeu alguns de seus colegar por vêlo se mudar para um país que não fala inglês.

"As pessoas me perguntam por que o Dortmund - um lugar onde não falo a língua. Mas eles jogam com muitos jogadores jovem e eles acreditam em muitos jovens, e isso é muito bom quando você está tentando se desenvolver como jogador. Essa é uma das principais razões pelas quais eu vim", afirmou.

"Além disso, é um grande clube em uma grande liga, então por que não?".

Próximo artigo:
Pogba e Matic atrapalham viagem de turistas australianos e se oferecem para selfie como pedido de desculpas
Próximo artigo:
Valverde reafirma ter total confiança em Coutinho no Barcelona
Próximo artigo:
Zagueiro do Nantes diz que Sala estava com medo de embarcar em avião desaparecido
Próximo artigo:
Diego usa Charlie Brown Jr. e Choque de Cultura para anunciar renovação com o Flamengo
Próximo artigo:
Rio Ferdinand diz ter sofrico com álcool no começo da carreira: "Cheguei a beber dez cervejas após os jogos"
Fechar