Alegria do Liverpool dura só 20min. Agora é sonhar com a Champions

Comentários()
Getty Images
Liverpool chegou a passar o Manchester City na classificação da Premier League, mas o time de Guardiola reagiu e conquistou o bicampeonato

Vinte minutos. Menos de meio tempo de um jogo de futebol. Foi quanto durou a alegria do Liverpool neste domingo em sua corrida contra o Manchester City pelo título da Premier League. Das 11h18 às 11h38 (do horário de Brasília), o time de Jurgen Klopp era campeão pela primeira vez na Inglaterra no atual formato da bilionária liga. Só faltou combinar com Guardiola e seus jogadores.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e teste grátis o serviço por um mês!

O sonho vermelho ganhou força quando, aos 18min do primeiro tempo, o Liverpool fez 1 a 0 sobre o Wolverhampton com gol de Mané, no Anfield. Nove minutos depois, no Amex Stadium, no sul da Inglaterra, o improvável começou a parecer possível quando o Brighton fez 1 a 0 no Manchester City, com gol de Murray.

Imediatamente, as câmeras flagraram um momento de desespero dos citizens: Guardiola tirou seu casaco e, inquieto, foi para o banco brevemente. Nas arquibancadas, ao mesmo tempo, torcedores do City levavam as mãos à cabeça. A preocupação era nítida.

Nesse momento, o Liverpool chegava aos 97 pontos, na liderança da Premier League. O City caía para segundo, com 95. Essa diferença, porém, durou só um minuto. Foi o tempo que o time de Guardiola precisou para empatar o jogo com o Brighton, em gol de Aguero.

O empate por 1 a 1 entre City e Brighton ainda dava o título ao Liverpool, mas o Manchester acordou. A equipe que vinha de 13 vitórias consecutivas embalou e foi para seu 14º triunfo, fazendo 2 a 1 com Laporte depois de 20 minutos do gol dos Reds. Os gols de Mahrez e Gundogan definiram a goleada e o bicampeonato do Manchester City.

Mais artigos abaixo

Quem vê o resultado final do jogo, 4 a 1, não imagina o medo que tomou conta de alguns corações azuis por alguns minutos. Também não dá pra quantificar quanto a esperança do Liverpool ganhou força e parecia que podia se materializar no cobiçado troféu da Premier League.

Mas a festa neste domingo ensolarado na Inglaterra é do Manchester City. Ao Liverpool, após a vitória por 2 a 0, restam três semanas de mais sonhos. No dia 1º de junho, em Madri, o time de Klopp terá um desafio inglês novamente pela frente, mas desta vez a recompensa é a Champions League. Tudo dependerá apenas do que acontecer no Wanda Metropolitano, palco da decisão europeia. Não será preciso secar, como neste domingo. Apenas jogar.

Fechar