Presidentes de Flamengo, Internacional e São Paulo se encontram na CBF e clima foi "tranquilo"

Rodolfo Landim e Alessandro Barcellos reforçaram preocupação com a arbitragem'; Casares foi tratar de temas institucionais

Se no domingo (21), o clima entre Alessandro Barcellos, presidente do Internacional, e Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, era de asperesa, podemos dizer o contrário do clima da última segunda-feira (22), na sede da CBF, no Rio de Janeiro, onde os mandatários se esbarram. 

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

Os presidentes foram à CBF conversar com Rogério Caboclo, que pediu a dupla para acalmar os ânimos e diminuir o tom e evitar que a arbitragem entre ainda mais pressionada na última rodada do Campeonato Brasileiro. O encontro, segundo fontes ouvidas pela reportagem da Goal, foi "tranquilo". 

Alessandro Barcellos já havia combinado o encontro na CBF antes mesmo do jogo contra o Flamengo, a preocupação era a polêmica do VAR descalibrado diante do Vasco. Depois da expulsão de Rodinei, contra o Rubro-Negro, o Colorado preparou um dossiê mostrando critérios diferentes em lances parecidos e pediu a entidade que defina um critério único. 

Mais artigos abaixo

Diante dos últimos acontecimentos, Landim também fez questão de aparecer na CBF para reforçar a preocupação com a arbitragem e marcar presença antes da última rodada do Campeonato Brasileiro. Ele esteve acompanhado de Luiz Eduardo Baptista, vice-presidente de relações externas do Flamengo. 

Quem também apareceu por lá foi Júlio Casares, presidente do São Paulo. Ele fez uma visita de cortesia, já que estava no Rio de Janeiro para o confronto contra o Botafogo, na última segunda-feira (23) e tratou de assuntos institucionais. 

Fechar