Presidente do Cardiff nega envolvimento com avião desaparecido que transportava Sala

Comentários()
Getty
Emiliano Sala, estava a bordo de um avião que desapareceu no Canal da Mancha; jogador segue desaparecido

O Cardiff negou qualquer envolvimento com o voo no qual Emiliano Sala usou para retornar à Nantes após assinar contrato com o clube inglês, na última segunda-feira (21).

A direção do time da Premier League nega que o avião tenha sido contratado pela equipe. Sendo assim, de acordo com informações do jornal britânico The Mirror, os prováveis responsáveis pelo aluguel da aeronave teriam sido os representantes do jogador, para que o atleta pudesse se despedir dos companheiros de Nantes.

"O clube não tem nada a ver com o voo no qual estava viajando Emiliano Sala, que se ofereceu para fazer essa viagem em um voo comercial”.

Já foi confirmado pelas autoridades local que apenas duas pessoas estavam a bordo do avião Piper PA-46, Sala e o piloto de 60 anos, Dave Ibbotson. Conhecido por vasta experiência nesse tipo de voo, o comandante tem três filhos.

Fechar