FIFA bane do futebol presidente de federação do Afeganistão após acusação de abuso

Comentários()
Wikimedia Commons
FIFA aguardou o início da Copa do Mundo feminina para anunciar a punição; Keramuddin Keram também deve pagar R$3,9 mi em multas

A FIFA anunciou neste sábado (8) que o presidente da Federação de Futebol do Afeganistão está banido do esporte por toda a vida.

A decisão acontece meses depois de Keramuddin Keram ter sido acusado de assediar sexualmente jogadoras do país e ameaçá-las caso viessem a público com denúncias.

QUER VER JOGOS AO VIVO OU QUANDO QUISER? ACESSE O DAZN E TESTE O SERVIÇO POR UM MÊS GRÁTIS!

Segundo a entidade, Keram "abusou da sua posição de poder e abusou diversas jogadoras, violando assim o Código de Ética da FIFA".

Mais artigos abaixo

O anúncio foi feito no segundo dia da Copa do Mundo feminina que acontece na França. Ele também recebeu uma multa de um milhão de francos suíços (R$3,9 milhões).

A FIFA afirmou que suas investigações se basearam em denúncias de ao menos cinco jogadoras que acusam Keram de repetidos casos de abuso entre 2013 e 2018, quando ele servia como presidente da associação de futebol do país.

Fechar