Notícias Placares ao vivo
Liga dos Campeões da UEFA

"Voltar ao United foi uma decisão minha e não me arrependo", diz Pogba ao rever Juventus

18:40 BRST 06/11/2018
Manchester United Paul Pogba 28102018
O meio-campista francês deixou o futebol italiano como um dos melhores do mundo, mas ainda não conseguiu render no seu melhor nível na Inglaterra

Paul Pogba garantiu não ter nenhum arrependimento por ter deixado a Juventus para retornar ao Manchester United em 2016. O meio-campista, campeão do mundo pela França em 2018, virou, à época, a contratação mais cara em todos os tempos quando os Red Devils desembolsaram 89 milhões de libras para repatria-lo.

Após deixar o United pela primeira vez, Pogba virou um dos jogadores mais importantes nos quatro anos em que vestiu a camisa da Juventus, na Itália, e as expectativas que o cercavam no retorno a Old Trafford eram enormes. Entretanto, o jogador ainda não conseguir calar os críticos e a verdade é que ainda não conseguiu desempenhar tudo aquilo que sabe desde então. Mesmo assim, ele garante estar feliz.

"Voltar ao United foi uma decisão minha e não me arrependo”, afirmou nas vésperas de reencontrar a equipe italiana, pela quarta rodada da fase de grupos da Champions League.

“A Juve estava jogando a Champions League e o Manchester estava na Europa (League). Eu não me arrependo”, revelou. “Eu sei que o Manchester United não esteve entre os melhores do mundo nos últimos anos, mas eu voltei para ajudar o time a voltar ao topo”.

Ao lado de Pirlo, no vice-campeonato da Champions em 2015 (Foto: Getty Images)

“Nós temos muitos objetivos. Para mim, nada mudou. Eu não me arrependo nem um pouco. Estou muito feliz por ter retornado ao United e tenho certeza de que voltaremos a ficar entre os melhores”.

Desde este retorno, Pogba somou três troféus ao seu currículo pelo clube. E foram exatamente estas taças que mostram, ao menos na opinião do francês, que a sua passagem por Old Trafford está longe de ser considerada um fracasso.

(Foto: Getty Images)

“Acho que tem ido bem. Na primeira temporada nós conquistamos três troféus (Copa da Liga, Supercopa da Inglaterra e Europa League). No segundo ano chegamos em segundo e fomos até a final da FA Cup (Copa da Inglaterra). Pessoalmente acho que tem sido bom para mim, bom para o time. Obviamente, esperamos sempre mais de nós mesmos, mas acredito que nós estamos no caminho certo”.

“Nós sempre podemos fazer melhor, estou feliz com minhas performances e no que fizemos em dois anos”, destacou, deixando claro o otimismo para o restante da temporada. “Óbvio que nós queremos mais troféus, com certeza. No primeiro ano nós ganhamos três taças, esta temporada ainda não terminou... então teremos que ver até o fim”.