Pjanic comemora vitória da Juventus e já se imagina na final da Champions League

Comentários()
Getty Images
Confira o que disseram alguns dos principais personagens da Juve na vitória sobre o Valencia

Quando a Juventus abriu o placar e construiu a vitória por 2 a 0 sobre o Valencia, em jogo realizado nesta quarta-feira (19) na Espanha, pela primeira rodada da fase de grupos da Champions League, Cristiano Ronaldo já havia sido expulso.

A Juve era superior, mas a bola parecia não querer entrar até um pênalti ser marcado. Autor dos gols italianos, ambos em cobranças desde a marca da cal, o meio-campista Miralem Pjanic falou sobre o momento do primeiro gol e não esconde que já imagina ver a equipe italiana chegando na final.

“Não foi fácil chegar para o pênalti, e eu pensava que a bola parecia não querer entrar antes. Eu também estaria frente a frente com o Neto, que jogou conosco por três anos e com quem eu treinava”, disse.

Miralem Pjanic Valencia Juventus UCL 19092018(Foto: Getty Images)

“Nós fizemos algo parecido anos atrás, quando ganhamos em Lyon com dez homens e naquele ano chegaríamos até a final. Queremos fazer isso de novo”, completou, referindo-se ao jogo disputado em outubro de 2016.

Mas os juventinos não comemoraram apenas gols de pênalti. No final do embate, o arqueiro Wojciech Szczesny ainda defendeu uma penalidade, garantindo a sua meta invicta: “Defender o pênalti no final provavelmente não mudaria o resultado, mas posso dizer que ajudou muito o meu ego. Ganhar por 2 a 0 aqui, ao invés de 2 a 1 faz uma diferença importante para um goleiro”.

ALLEGRI EXALTA ENTREGA E BOM FUTEBOL

Massimiliano Allegri Juventus(Foto: Getty Images)

“Estávamos jogando muito bem até a expulsão do (Cristiano) Ronaldo, mas continuamos a jogar o nosso futebol apesar do impacto e merecemos fazer os dois gols. Jogar aqui não é fácil, porque o Valencia ataca com o estádio empurrando do primeiro ao último minuto. Acho que os rapazes foram muito bem hoje, especialmente porque jogaram um bom futebol quando precisaram. Todos nós nos comportamos como equipe quando tivemos que defender estes três pontos”, disse o treinador Massimiliano Allegri, durante entrevista coletiva.

A Juventus volta a entrar em campo pela Champions League no próximo dia 2 de outubro, quando enfrentará o Young Boys, da Suíça.

Fechar