Pep ridiculariza críticas de Mourinho ao árbitro: "No ano passado, ele disse o mesmo!"

Comentários()
Getty
As sugestões do Special One de que sua equipe deveria ter sofrido uma penalidade formam contestadas por Guardiola

Pep Guardiola ironizou as reivindicações de José Mourinho de que o Manchester United sofreu com os erros de arbitragem na derrota do derby de domingo, sugerindo que seu rival está começando a parecer um disco quebrado.

O Manchester City levou os três pontos com uma vitória por 2-1 em Old Trafford, gols marcados por David Silva e Nicolas Otamendi com Marcus Rashford descontando para o United.

A vitória aumentou a vantagem na liderança da Premier League do Manchester City para 11 pontos, mas Mourinho sugeriu, após o apito final, que sua equipe deveria ter recebido uma penalidade depois quem Ander Herrera se enroscou com Otamendi.

Para Guardiola, no entanto, essas críticas a arbitragem foram estranhamente familiares.

Jose Mourinho Pep Guardiola Manchester United CityFoto: Getty

Na última temporada, foi o mesmo - ganhamos aqui e foi o árbitro. Hoje também", disse o treinador ao Sky Sports.

"Ontem ele falou sobre o árbitro. Somos uma equipe honesta. Tivemos 75% de posse de bola, o que significa que queríamos jogar. Nós viemos aqui e fizemos isso.Não é verdade que meus jogadores caiam facilmente. Esse não é um argumento que eu acredito".

Na segunda temporada de Guardiola no comando do City a equipe vem fazendo uma temporada até o momento impecável, sem nenhuma derrota nos 16 jogos disputados na Premier League. Para o comandante, o time está desmascarando alguns mitos antigos ao longo do caminho.

"A personalidade de jogar aqui é o que eu quero. Podemos jogar desta forma na Inglaterra. As pessoas disseram que não conseguimos jogar da maneira que fizemos no Barcelona na Inglaterra, mas é possível e nós fizemos", acrescentou.

Nicolas Otamendi Manchester City Manchester UnitedFoto: Getty

"Eu sabia disso na temporada passada. Sempre acreditei que podíamos fazer. Todos podem jogar como querem, por isso que o futebol é tão lindo. Estou feliz em ir ao Stamford Bridge e ao Old Trafford e vencê-los dessa maneira. O futebol é incrivel. Falamos sobre como jogar contra o United, mas nunca puxamos ofensivamente, e então marcamos dois. O futebol é imprevisível. Esta vitória significa muito na forma como jogamos para a nossa confiança, mas em três dias, vamos para o Swansea. Vamos enfrentar muitas dificuldades. Em dezembro, é impossível ser campeão, mas é bom para nós" finalizou o treinador.

Gabriel Jesus foi uma das gratas surpresas na equipe titular de Guardiola que optou por Aguero no banco de reservas no clássico. Jogando pela primeira vez no Old Trafford, Jesus enalteceu o resultado e a distância para o segundo colocado.

Mais artigos abaixo

"Demos um bom passo (para o título). Foi minha a primeira vez no Old Trafford e é dificil enfrentar o United pela história e pelo que vem fazendo. Tem que respeitar eles, mas estamos fazendo um bom campeonato. Conseguimos mostrar nosso futebol, fizemos o que o treinador pediu e fomos premiados com uma boa vitória".

Gabriel Jesus Manchester City 2017Foto: Getty

Gabriel também elogiou o desempenho da equipe e lamentou as chances que perdeu no jogo.

"Nossa equipe teve muitas oportunidades. Eu mesmo tive clara duas. A primeira com o Sterling e a segunda eu tirei o zagueiro e não vi que estava sozinho e chutei precipitadamente. Mas nós fizemos dois gols de escanteio e conseguimos sair com o resultado".

Fechar