Palmeiras favorito, Corinthians defendendo o título, São Paulo, Santos... Como chegam os quatro grandes para o Paulistão

Comentários()
Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação
Estadual mais forte do Brasil será disputado entre os dias 19 de janeiro e 21 de abril

A partir do dia 19 de janeiro a bola mais uma vez voltará a rolar na considerada competição estadual mais forte e difícil do Brasil.

Maior campeão do Paulistão, com 29 títulos, o Corinthians tentará conquistar o torneio pela terceira vez consecutiva. No entanto, mais uma vez, o status de favorito é do Palmeiras, que conta com um elenco com mais estrelas se comparado com o dos seus rivais. O São Paulo, que também trouxe grandes nomes, como o do meia Hernanes, e o Santos, com Sampaoli, também prometem entrar forte na briga pela taça.

Confira abaixo como vem cada um dos quatro principais times para a disputa do Paulistão 2019.


Palmeiras


Ricardo Goulart Palmeiras anúncio 15 01 19
(Foto: Divulgação/Palmeiras)

Depois da polêmica de arbitragem que culminou com o vice-campeonato em 2018, o Palmeiras chegou a chamar a competição de "Paulistinha", mas o discurso mudou e os próprios jogadores e o técnico Felipão tratam o torneio como primeiro objetivo de conquista. O Verdão não vence a competição desde 2008. 

Assim como já havia feito no ano passado, o Palmeiras, bem financeiramente, focou em manter a base do forte elenco e ainda qualificar alguns setores. Seis caras novas chegaram, sendo a principal delas a do meia-atacante Ricardo Goulart, que ainda precisará de algum tempo para estrear já que está em fase final de recuperação de uma cirurgia no joelho.

Além dele, chegaram Carlos Eduardo, Matheus Fernandes, Arthur Cabral, Zé Rafael e Felipe Pires. Os laterais Mayke e Marcos Rocha, que estavam emprestados pelo Cruzeiro e pelo Atlético-MG, respectivamente, também foram adquiridos em definitivo. 

Time-base:  Weverton, Mayke, Luan, Gómez e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Ricardo Goulart (Lucas Lima); Gustavo Scarpa, Dudu e Borja (Deyverson).


Corinthians


Boselli - Corinthians - 4/01/2019
(Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Atual bicampeão paulista, o Corinthians se reforçou bastante depois do péssimo segundo semestre de 2018 e chega com força para lutar pelo tri da competição da qual já é o maior vencedor, com 29 títulos.

Até o momento, o Corinthians contratou oito jogadores, com destaque para o centroavante argentino Mauro Boselli, que marcou 130 gols pelo Léon, do México, nos últimos cinco anos. Além dele, chegaram o lateral-direito Michel Macedo, o zagueiro Manoel, os volantes Richard e Ramiro, o meia Junior Sornoza e os atacantes André Luis, Gustavo Silva.

Outro grande reforço para 2019 estará no banco de reservas. Após seis meses no Al-Wehda, da Arábia Saudita, o técnico Fábio Carille está de volta ao clube alvinegro, que ainda segue atento ao mercado e pode trazer o lateral-esquerdo Guilherme Arana, que está fora dos planos do Sevilla, e o atacante Vagner Love, que tenta rescindir com o Besiktas.

Time-base:  Cássio, Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Ramiro, Sornoza, Jadson, André Luiz e Boselli.


São Paulo


Hernanes - São Paulo - 7/01/2019
(Foto: São Paulo FC/Divulgação)

O São Paulo investiu para trazer reforços de peso para 2019 com o objetivo de encerrar dois incômodos jejuns. O Tricolor não ganha o Paulistão desde 2005, fato que o coloca como o grande com maior jejum de títulos do torneio, e não é campeão de qualquer competição oficial desde 2012, quando venceu a Copa Sul-Americana. 

Um dos destaques da janela de transferências, o clube do Morumbi trouxe como principal reforço o meia Hernanes. Além dele, também chegaram o goleiro Tiago Volpi, o lateral-direito Igor Vinicius, o lateral-esquerdo Léo Pelé, o volante Willian Farias e os atacantes Pablo e Biro Biro. 

Comandado por André Jardine, a equipe ainda conta com uma série de jovens promessas reveladas nas categorias de base do São Paulo, além dos veteranos Nenê e Diego Souza. 

Time-base:  Tiago Volpi; Bruno Peres, Arboleda, Anderson Martins (Bruno Alves) e Reinaldo; Jucilei, Hudson e Hernanes; Everton, Helinho e Pablo.


Santos


Jorge Sampaoli apresentação Santos 18122018
(Foto: Ivan Storti/Santos FC)

O Santos é o clube que está mais atrasado no planejamento e por isso causa certa desconfiança no torcedor. O principal nome até aqui está no banco de reservas. Trata-se do técnico Jorge Sampaoli, que foi contratado em dezembro.

Em relação a jogadores, o Santos, que vai em busca do seu 23º título estadual, só confirmou o nome do meia-atacante venezuelano Yeferson Soteldo. Por outro lado, peças importantes, casos do lateral-esquerdo Dodô e do atacante Gabigol, deixaram o clube.

O presidente José Carlos Peres garante que o Alvinegro praiano anunciará nos próximos dias mais reforços.

Time-base:  Vanderlei; Victor Ferraz; Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Orinho; Diego Pituca, Carlos Sánchez e Jean Mota; Derlis González, Felippe Cardoso e Bruno Henrique.

Fechar