Os maiores goleadores do Corinthians no Pacaembu

Comentários()
Getty Images
Antes do novo reencontro do Timão com o Pacaembu, Goal relembra todos os jogadores que já balançaram as redes com a camisa do clube no estádio

A partir da noite desta quarta-feira (17), o Corinthians iniciará a defesa do título paulista e o duelo, embora não seja realizado em Itaquera por conta do replantio do gramado, será em um local onde o torcedor do Timão guarda ótimas lembranças: o Pacaembu. A reedição da final de 2017 contra a Ponte Preta acontecerá às 21h45 (de Brasília).

Adotado como casa do Timão por várias décadas, o estádio municipal Paulo Machado de Carvalho foi palco de nada menos que 1.690 partidas do Corinthians. Nesse período, nove títulos foram conquistados e 3309 gols foram marcados, sendo alguns deles inesquecíveis, como mais recentemente os dois de Emerson Sheik no jogo do título da Libertadores de 2012.

O maior artilheiro do Corinthians no Pacaembu é Cláudio, que atuou pelo clube entre 1945 e 1957. A lista, porém, conta com centenas de nomes, como Garrincha, que marcou apenas um gol em sua passagem meteórica pelo alvinegro paulista. Dos ídolos mais recentes, o grande goleador é Marcelinho Carioca, com 66 tentos.

Garrincha Corinthians 14072016
Garrincha marcou um gol com a camisa do Timão no Pacaembu na vitória sobre o São Paulo em 1966 (Foto: Reprodução)

Confira a lista completa:

186 gols: Cláudio

161 gols: Baltazar

100 gols: Servílio

86 gols: Luizinho

66 gols: Marcelinho Carioca

65 gols: Paulo III e Carbone

50 gols: Viola II

43 gols: Flávio II e Rafael II

41 gols: Rivelino e Teleco

39 gols: Neto, Casagrande e Sócrates

38 gols: Milani

36 gols: Vaguinho e Geraldão

34 gols: Zague

33 gols: Ruy e Hércules

32 gols: Liedson

27 gols: Edmar e Tevez

26 gols: Luizão

25 gols: Paulinho III

24 gols: Dentinho e Palhinha

23 gols: Ronaldo Fenômeno

22 gols: Biro-Biro

21 gols: Chicão e Silva I

20 gols: Jorge Henrique

19 gols: João Paulo II e Mirandinha I

18 gols: Tupãzinho e Zezé I

17 gols: Basílio III, Paulo Borges, Nelsinho I e Fernando Baiano

16 gols: Wilson Mano, Gil III, Ney, Noronha, Edilson e Danilo

15 gols: Romarinho, Roger II e Carlinhos II

14 gols: Elias III, Ricardinho III, Dinei e Joaquinzinho

13 gols: Emerson Sheik, Marques, Zenon, Marcos Roberto, Eduardinho, Jerônimo, Nenê I, Lima III, Jackson e Nilmar

12 gols: Guerrero e Éverton

11 gols: Goiano, Romeu II, Rosinei, Jô, Joane e Rivaldo

10 gols: Douglas, Rogério III, Marcelo Mattos, Lance, Simão I, Válter I, Zé Roberto II, Manoelzinho, Herrera e Válber

9 gols: Fabinho II, Paulo Sérgio III, Willian II, Dicão, Souzinha, Tales, André Santos II, Bruno César, Jansen, Alexandre Pato, Deivid, Miranda I, Gatão, Rui Rei e Jesus

8 gols: Vampeta, Bataglia, Colombo II, Benê, Dino Sani, Nonô, Roberto Miranda, Rafael Moura, Edmundo II e Guilherme

7 gols: Roberto, Henrique II, Adãozinho, Dino, Fábio Santos, Renato III, Marcos II, Souza II, Lima II, Coelho, Aladim, Rincón, Nardo, Fábio Luciano, Suingue, Nair, Píter, Arturzinho II e Finazzi

6 gols: Wladimir, Marcelinho Paulista, Fabinho III, Ruço, Édson Cegonha, Wílson IV, Mirandinha III, Wilsinho, Índio I, Souza III, Iarley, Jorginho I, Lanzoninho, Boquita, Severo I e Agostinho II

5 gols: Zé Maria, Tião II, Anderson, Paulo André, Giba, Marco Antônio I, Carlos Alberto, Cláudio Mineiro, Célio Silva, Davi, Ewerthon, Adilson II, Magrão, Serginho, Toninho II, Mário VI, Ricardo II, Leonardo, Nilson, Serginho II, Neca, Arturzinho I

4 gols: Olavo, Ralf, Eduardo IV, Brandão, Mauro IV, Roberto Carlos, Alex III, Jairo II, Tite II, Nélson Lopes, Cristian, Cacau, Cristóvão, Jatobá, Luciano II, Ivair, Pipi, Maracaí, César II, Leto, Higino, Bobô I, Silvio, Claudio Adão, César I, Chrstian e Manja

3 gols: Idário, Alessandro II, Marcelo I, Hélio, Ezequiel, Edson I, Jacenir, Ditão, Edenilson, Jucilei, Edson IV, Gilson Porto, Paulo César I, Mário V, Cris, Leandro, Bernardo, Marquinhos II, Bobô II, Luis Ramirez, Ferreirinha, Neves, Adil, Edélcio, Arce, Didi II, Eduardo III, Lopes I, Nenê IV, Gélson, Otacílio Neto, Vermelho, Cássio II, Nelsinho II, Arquimedes, Guilherme II e Zezinho I

2 gols: Julião, Betão, Aleixo, Adriano Imperador, William II, Touguinha, Leandro Castán, Morais, Wendel, André Santos, Paulinho II, Amaro, Bazani II, Gil IV, Gamarra, Gustavo Nery, Pita, Boquita II, Luís Fernando, Elivélton, Scheidt, Vitor, Moacir II, Paulinho Carioca, Gallo I, Nino, Dinelson, Elton, Gilberto Costa, Givanildo, Bode, Elton II, Jorginho II, Eduardo VI, Hugo III, Lindóia, Sergio Gil, Arlindo IV, Branco, Daércio, Ramón II, Tite I, César Prates, Jamelli, Jorge Wágner, Valmir, Geraldo José, Jean III, Zé Carlos II, Donizete, Sicupira, Zezinho II, Adílson I, Índio II, João Paulo III, Joãozinho III, Paulo Nunes, Adílson III, Müller, Samarone, Abuda, Lucas I, Luciano VI, Aírton e Guerra

1 gol: Palmer, Mauro III, Silvinho, Kléber, Baldochi, Ademir II, Pedrinho II, Dida I, Fabrício, Guinei, Pellicciari I, Newton, Batata, Luís Cláudio I, Dama, Dirceu Alves, Benedito II, Índio III, Wallace, Eduardo Ratinho, Paulo IV, Galhardo, Gilmar II, Gomes, Egídio, João Carlos III, Márcio Costa, Marcus Vinicius, Moradei, Vinicius “Fininho”, César IV, Daniel III, Ivan II, Joãozinho V, Defederico, Peri, Pinga, Romeu III, Cláudio Marques, Renato Augusto, Carlinhos IV, Felício, Andrezinho, Carlão, Edno, Paulo Roberto, Renato IV, Augusto II, Diogo III, Edu I, Júlio César II, Marco Antônio Boiadeiro, Edmundo I, Espanhol, Fábio Baiano, Felipe II, Taborda, Alfredo Ramos, Amoroso, Édson II, Fumagalli, Luís Mário, Magu, Nobre, Ribamar, Wescley, Ari Bazão, Baianinho II, Da Silva, Daniel González, Galli, Giovanni, Marcinho, Róbson, Alessandro, Almir, Ataliba, Beirute, Caio, Garrincha, Washington I, Alberto III, Bebeto IV, Beni, Bill, Gustavo, Marcelo II, Marcinho II, Nandinho, Nílton II, Washington II, Zé Carlos, Antônio Carlos II, Clóvis III, Daniel Grando, Liquinho, Mazinho Loyola, Mical, William Morais, Agnaldo III, Cléber, Eli, Joãozinho IV, Mirandinha II, Nadson, Paulo II, Rodrigues III, Simão II, Thiago Heleno, Arílson, Cláudio III, Leandro Amaral, Lopes II, Moreno II, Neto II, Nílson Borges, Ronny, Adrianinho, Akai, Denis, Édson Di, Leonel, Ronaldo II, Ronaldo Marques, Fernandes, Ferreti, Jombrega, Lécio, Romerito e Giovanni Augusto

Próximo artigo:
Corinthians (3)2x2 (4) Vasco: nos pênaltis, Cruz-Maltino garante vaga na final da Copa São Paulo
Próximo artigo:
Botafogo no Mercado: Quem chega e quem sai em 2019?
Próximo artigo:
Cristiano Ronaldo recebe críticas após foto sorrindo em avião em dia de possível tragédia
Próximo artigo:
São Paulo 5x2 Guarani: Tricolor goleia e vai para a final da Copinha
Próximo artigo:
Mercado da bola: os principais rumores de Corinthians, São Paulo, Flamengo e os grandes clubes do Brasil
Fechar