Os brasileiros que fizeram história no futebol alemão

Comentários()
Getty
Ao longo dos anos, vários brasileiros fizeram história em terras germânicas conquistando títulos e se tornando ídolos dos clubes locais

Pode-se dizer que o futebol é o principal fator incomum entre Brasil e Alemanha, os pentacampões e os tetracampeões do mundo compartilham do mesmo sentimento quando se trata da bola redonda. Não à toa, apenas um título de Copa do Mundo separa as duas equipes. 

Com um dos campeonatos mais organizados do mundo e com um público fiel, a liga alemã atraí a atenção de jogadores de todo o planeta, inclusive dos brasileiros. Ainda que seja mais comum ver brasileiros na Espanha, Itália ou Inglaterra, a Alemanha é um destino bastante atrativo para os canarinhos. 

Ao longo da história, vários brasileiros marcaram época no país, curiosamente muito deles atuavam ou atuam no setor defensivo, mas os atacantes e meias também conseguiram fazer a sua história no país da cerveja. 

O primeiro brasileiro a se aventurar em termas germânicas foi Zezé, ele vestiu a camisa do FC Colônia na temporada 1964/1965. Além de entrar em campo pelo Campeonato Alemão, ele também chegou a defender o clube na Europa League. Mas por conta de uma susposta alergia a neve, deixou a equipe apenas cinco partidas depois.

No entanto não foi Zézé quem marcou o primeiro gol de um brasileiro na liga alemã, Raul Tagliari foi quem teve a honra de inaugurar as redes na Alemanha, consequetemente, ele foi o segundo canarinho a atuar em terras germânicas.

Um dos grandes jogadores da história do Flamengo, Tita também deixou a sua marca na Alemanha. O ex-atacante atuou no país por apenas uma temporada, mas o suficiente para levantar a Taça UEFA com a camisa do Bayer Leverkusen. 

Tita Leverkusen 17052016
(Foto: Getty Images)

Quem também se destacou pelo Bayer Leverkusen foi Jorginho, no entanto, o tetracampeão do mundo virou casaca e foi para o Bayern de Munique. Lá, conquistou o campeonato alemão de 1994, assim como a Copa do Mundo daquele mesmo ano. 

Mas quem realmente fez muito sucesso na Alemanha foi Giovane Elber, ele é, talvez, o brasileiro de maior sucesso no país. Giovane defendeu as cores do Stuttgar, Bayern de Munique, Borussia Mönchengladbach. Ao todo, ele soma 133 gols em 260 jogos e 14 títulos, entre eles a Champions League de 2001. 

Outro tetracampeão do mundo que brilhou na terra da cerveja foi Paulo Sérgio, ele vestiu por cinco anos a camisa do Bayer Leverkusen mas brilhou mesmo foi pelo Bayern de Munique, conquistou além do Campeonato Alemão, a Copa da Alemanha e a Champions League. 

Paulo Sergio Bayern
(Foto: Arquivo Pessoal)

Aílton, por sua vez, também tem muito respeito no país, ele vestiu a camisa de 7 times diferentes na Alemanha, entre eles Schalke 04, Duisburg, Hamburgo e Werder Bremen. O atacante marcou 88 gols e levantou o título da Bundesliga e da Copa da Alemanha. 

Na defesa, Juan e Lucio também marcaram época na Alemanha. O primeiro, com talento e técnica apurada ofereceu seus serviços ao Bayer Leverkusen por quase cinco anos. O segundo, líder nato, também vestiu a camisa do Leverkusen mas teve sucesso mesmo em Munique.

Juan Bayer Leverkusen 28102002
(Foto: Getty Images)

Ele levantou os títulos do Campeonato Alemão, em três oportunidades, e da Taça da Liga, campeonato já extingo. 

Irreverente e artilheiro, Marcelinho Paraíba anotou 76 gols em 205 jogos na Bundesliga. Ele é ídolo no Hertha Berlin, mas também defendeu as cores do Wolfsburg entre 2007 e 2008. 

Por falar em artilheiro, Grafite tem uma arma impressionante na Alemanha, em conduziu o Wolfsburg ao seu último título da Bundesliga em 2009 ao marcar 28 gols em 25 jogos. Entre elas, uma grande exibição, uma vitória por 4 a 1 sobre o Bayern de Munique, na Allianz Arena. 

Grafite VfL Wolfsburg
(Foto: Getty Images)

Um dos melhores e mais inteligentes jogadores brasileiros a brilharem na Bundesliga, Zé Roberto defendeu o Bayern Leverkusen, Bayern de Munique, Schalke e Hamburgo entre 1998 a 2010. Foram 339 jogos, 39 gols e dez títulos. 

Mais artigos abaixo

Mas talvez o rosto brasileiro mais conhecido na Alemanha hoje seja Rafinha, lateral do Bayern de Munique. Ele também defendeu o Schalke 04, antes de se transferir para o time de Munique em 2011. O lateral, que ainda sonha com uma vaga na Copa do Mundo da Rússia é muito respeitado no país.

Rafinha, Bayern Munich, 17/18
(Foto: Getty Images)

Outros jogadores de Seleção Brasileira também deixaram a sua marca no país como Roberto Firmino, atualmente no Liverpool, Luiz Gustavo, o zagueiro Dante, o meia Diego, e o próprio Renato Augusto, que teve boa passagem pelo Bayern Leverkusen. 

Nesta terça-feira(27), Brasil e Alemanha se reencontram no duelo Chevrolet Brasil Global Tour, em Berlin. A expectativa é grande para a partida que será a primeira depois do fatídico 7 a 1 na Copa do Mundo de 2014. 

Próximo artigo:
Sem perder o humor: Guingamp zoa após ser humilhado pelo PSG
Próximo artigo:
Sergio Ramos analisa vitória do Real: "Quando queremos, damos o nosso melhor"
Próximo artigo:
Arsenal 2 x 0 Chelsea: Em casa, Gunners levam a melhor
Próximo artigo:
De virada, Firmino exalta vitória do Liverpool: "jogo emocionante"
Próximo artigo:
Ancelotti: "Como treinador, devo tudo a Zidane"
Fechar