Notícias Placares ao vivo
Copa do Mundo

O histórico de Marrocos, que já foi carrasco de Portugal, na Copa do Mundo e o que esperar em 2018

21:00 BRT 12/06/2018
Marrocos 1986 Copa do Mundo 12 06 2018
Em 1978, com um brasileiro na área técnica, os marroquinos bateram os lusos e avançaram para as oitavas de final

Marrocos volta a disputar uma Copa do Mundo após 20 anos, e desta vez chega para o torneio apostando tudo em sua fortaleza defensiva – comandada pelo experiente Mehdi Benatia, da Juventus.

Esta é a quinta participação marroquina em Mundiais, e a edição inesquecível para os africanos foi a do México. Em 1986, eles foram os únicos que não perderam em sua chave. Avançaram em primeiro lugar no grupo que tinha Inglaterra, Polônia... e Portugal, justamente o time que marcou a única vitória daquela equipe naquela edição: um 3 a 1 que está na história.

O homem que, do banco de reservas, levou o Marrocos até as oitavas de final foi um brasileiro: José Faria, treinador que construiu sua carreira no futebol do país. A equipe foi eliminada apenas pela Alemanha, que venceu por 1 a 0.

(Fotos: Getty Images)

O outro bom momento da seleção aconteceu justamente em 1998, quando conseguiu a segunda vitória de sua história em Mundiais: um triunfo por 3 a 0 sobre a Escócia, que aliviou um pouco a derrota anterior pelo mesmo placar, contra a Seleção Brasileira na fase de grupos - onde acabou eliminada.

Para 2018, Marrocos chega com a missão de ser a zebra em um grupo que também conta com Espanha e Portugal. A aposta será absoluta no sistema defensivo, mas também é impossível não imaginar o lado supersticioso de reencontrar os lusos, tendo um técnico que fala português. Só que os marroquinos dificilmente surpreenderão na Rússia.