Notícias Placares ao vivo
Barcelona

"O desempenho do Barcelona sem Messi é desconhecido", diz Zamorano

08:39 BRT 24/10/2018
zamorano 8+1
Em entrevista exclusiva à Goal, um dos maiores atletas chilenos analisa desempenho do Barça sem Messi

Um dos principais atletas do Chile na década de 1990, Iván Zamorano jogou em tradicionais times da Europa como Inter de Milão, Sevilla e Real Madrid. Aos 51 anos, o veterano que disputou a Copa do Mundo de 1998 bateu um papo exclusivo com a Goal Espanha e destacou que o Barcelona poderá ter possíveis problemas com a ausência de Lionel Messi em semana decisiva para o clube.

"O que acontecer com o Barcelona nesta semana irá marcar o seu futuro no ponto de vista anímico. O desempenho oferecido pela equipe sem Messi é desconhecido até hoje", disse.

Sem Messi, que ficará fora dos gramados por no mínimo três semanas devido a uma lesão no antebraço direito, o Barça tem pela frente dois desafios que podem decidir a liderança da equipe na Uefa Champions League e La Liga. Nesta quarta-feira (24), o primeiro embate será contra a Inter de Milão em jogo válido pela Champions. Já no próximo domingo (28) ocorre o Superclássico contra o Real Madrid.

Na temporada 2009-10, a equipe italiana derrotou o Barcelona nas semifinais da Champions League e, mesmo com Lionel Messi em campo, o time, na época comandado por José Mourinho, neutralizou o argentino, que pouco pôde fazer. Zamorano aproveitou para relembrar o feito que entrou para a vitoriosa campanha dos italianos, campeões daquela edição.


(Foto: Getty Images)

"Como torcedor eu gostei, porque eu ainda tenho um carinho muito grande pela Inter. Eu acompanhei com os meus filhos e tivemos um grande momento com esse triunfo, vendo também a eliminação do Barcelona", relembrou.

Por fim, o ex-atacante comentou como a Inter deve se posicionar ao longo da Champions caso queira conquistar o título da principal competição europeia pela quarta vez.

“O time tem de ir passo a passo, não pode pensar em entrar na Champions League vivendo as memórias de 2010, tem que pensar em se classificar para as eliminatórias e, em seguida, quando a verdadeira competição começar, tentar manter a cabeça fria, ser confiante e ambicioso", explicou.