Mourinho pede para que não comparem o Manchester United: "Nos dê um tempo!"

Comentários()
Getty Images
Técnico português vê situações diferentes e fala que o time tem melhorado nos últimos tempos

José Mourinho não gosta das comparações que tem sido feitas há um bom tempo sobre o time do Manchester United. Ele deixou claro que discorda dessas comparações e vê situações muito diferentes entre as equipes do passado e o atual elenco.

"Eu tenho que discordar das pessoas que tentam comparar esse aos times de Roy Keane, Ruud Van Nistelrooy e Nemanja Vidic. Nos dê um tempo. Eu estou feliz com a entrega e a alma do time, mas não estamos consistentes e uniformes. Hoje [quarta, 05] foi mais do mesmo, mas com uma grande atitude e as pessoas prontas para irem e lutar bravamente, foi um crédito do time", disse José Mourinho.

Os comentários foram feitos após o empate do United contra o Arsenal, na última quarta-feira. Com uma atuação muito melhor do que no outro empate contra o Southampton, os Red Devils não conseguiram quebrar a sequência invicta do time de Unai Emery. O United já acumula quatro partidas sem vencer na Premier League.

O português procurou justificar a má fase e destacou que a defesa ainda é o elo fraco do time.

Matteo Darmian Hector Bellerin Manchester United Arsenal 051218

"Eles jogaram até o limite e ficaram muito cansados. Alguns deles não jogaram a temporada toda. Chris Smalling está jogando em uma condição muito difícil, mas o Arsenal só foi perigoso quando perdíamos a bola em áreas de risco. Essa foi uma performance com alma e coração. Rashford, só para citar um nome, deu tudo pelo clube. Mas mesmo no banco de reservas dava para sentir um certo pânico quando a bola chegava à nossa área", disse o técnico.

David de Gea Manchester United 2018-19(Fotos: Getty Images)

O United está apenas na oitava posição da Premier League, 18 pontos atrás do líder e grande rival, Manchester City, que ainda não perdeu no certame. A pressão vem crescendo sobre os ombros de José Mourinho.

O United pode aliviar um pouco dessa pressão no próximo sábado (08), quando enfrenta o Fulham, no Old Trafford. A partida acontece às 13h (de Brasília).

Próximo artigo:
Admiração de De Jong por Messi repercute nas redes sociais
Próximo artigo:
Manchester United irá vetar a saída de Pogba em janeiro
Próximo artigo:
Um Manchester United repleto de problemas para Mourinho
Próximo artigo:
Luiz Adriano descarta transferência para o Internacional: "são só coisas da internet"
Próximo artigo:
Atlético vence na Justiça e terá de ser ressarcido por Fred; Cruzeiro promete recorrer
Fechar