Médico da Seleção embarca para Paris onde vai examinar Neymar

Comentários()
Pedro Martins / MoWa Press
Rodrigo Lasmar, que está em Sochi, chega na França ainda nesta terça-feira(27), onde vai acompanhar de perto a lesão do camisa 10

A lesão de Neymar deixou todo mundo muito preocupado. Primeiro, o PSG que tem um jogo importante contra o Real Madrid, pelas oitavas de final da Champions League e precisa tirar uma diferença de dois gols para não ser eliminado no torneio e, claro, para a Seleção Brasileira.

O impacto foi tanto que a comissão técnica decidiu até adiar a convocação da Seleção para os amistosos Brasil Global Tour contra Rússia e Alemanha, no final de março. E preocupado com a situação do atleta, o médico da Canarinho, Rodrigo Lasmar, vai até Paris para examinar o brasileiro. 

Lasmar está em Socchi, na Rússia, num congresso da FIFA e embarca ainda hoje para a França, onde deve examinar o atacante brasileiro nesta quarta-feira(28). Sendo assim, o atleta deve passar por novos exames. 

Em entrevista ao programa Redação SporTV, Rodrigo Lasmar falou sobre o que sabe a respeito da lesão do jogador. 

2018-02-27 Neymar PSG
(Foto: Getty Images)

"Por enquanto, o que sei é que existe um entorse e uma suspeita de fratura. Serão realizados exames complementares para elucidar a situação do jogador. É preciso ter calma nesse momento - explicou Lasmar por telefone durante sua conexão no aeroporto de Moscou". 

Ele também preferiu não falar sobre cirurgia ou tempo de recuperação até examinar o atleta e saber exatamente o que está acontecendo.

Mais artigos abaixo

"O mais importante agora é vermos as imagens e termos um diagnóstico claro. Depois disso, teremos várias opções de tratamento. Não tem regra. Principalmente porque precisamos saber se realmente é uma fratura e se é uma fratura completa, por exemplo. São vários detalhes médicos que serão levados em conta".

Lasmar também revelou que está em contato constante com o mécido do PSG.

"Tenho falado constantemente com o médico do PSG. É ele quem está me recebendo em Paris, vou conversar com ele para ele mostrar os exames, acompanhar o que já foi feito até agora. Eles estão aguardando outras imagens e vamos acompanhar de perto para definir o que será feito. O mais importante agora é ter calma. No caso de fratura incompleta, uma fratura desse tipo possui várias gravidades. Se é completa, incompleta, se tem desvios ou não. Isso tudo precisa ser bem determinado antes de definir o que será feito em termos de tratamento".

Próximo artigo:
Quantos gols Neymar marcou na carreira?
Próximo artigo:
Corinthians (3)2x2 (4) Vasco: nos pênaltis, Cruz-Maltino garante vaga na final da Copa São Paulo
Próximo artigo:
Botafogo no Mercado: Quem chega e quem sai em 2019?
Próximo artigo:
Cristiano Ronaldo recebe críticas após foto sorrindo em avião em dia de possível tragédia
Próximo artigo:
São Paulo 5x2 Guarani: Tricolor goleia e vai para a final da Copinha
Fechar