Maurício Barbieri precisa achar a solução para irregularidade do Flamengo no pós Copa do Mundo

Comentários()
Gilvan de Souza/Flamengo/Divulgação
Time não consegue emplacar dois bons jogos em sequência e vê queda brusca de rendimento depois do Mundial

O empate entre Flamengo e América-MG, no último domingo(26), no Independência, teve sabor de derrota para o time Rubro-Negro, que viu um resultado que parecia estar sendo construído de forma tranquila ir por água abaixo em pouquíssimo tempo. 

Agora, o time de Barbieri V6e o São Paulo abrir novamente quatro pontos de vantagem e ainda terá pela frente um duelo extremamente complicado contra o Cruzeiro, nesta quarta-feira(29), pela Copa Libertadores da América. 

A frustração foi grande, pois diante da irregularidade, o Flamengo apostava na vitória para somar dois triunfos seguidos, não deixar o Tricolor Paulista abrir muita vantagem e recuperar a confiança para a sequência da competição. 

Carlinhos Diego América-MG Flamengo Campeonato Brasileiro 26082018
(Foto: Moura Pandão / América-MG / Divulgação)

No entanto, uma falha de Cuellar, que acabou sendo expulso deixou o time exposto, as mudanças que o treinador efetivou na partida também não surtiram efeito e culminaram no empate do América-MG, no final da partida. 

Insatisfeito com o resultado, Barbieri se defendeu sobre ter utilizado os titulares diante do América mesmo com um jogo super importante diante do Cruzeiro, três dias depois. 

"O Cruzeiro também usou a maioria de seus jogadores no sábado e a diferença de um, dois dias, é pequena. Tem que conseguir através do controle da carga, das avaliações, colocar aqueles em melhores condições para aquele jogo. Talvez, a melhor equipe para começar o jogo quarta-feira não é a equipe que iniciou hoje, mas não tenho como dar essa resposta agora. Tenho que esperar as avaliações, ver com os jogadores, treinar, ver quais as soluções a gente tem para definir a equipe e isso será feito nos próximos dois dias".

Rafael Moura América-MG Flamengo Campeonato Brasileiro 26082018
(Foto: Mourão Panda / América-MG / Divulgação)

Os titulares do Flamengo, no entanto, apresentaram uma série de erros diante do América-MG, falta de concentração, marcação mais baixa, pouca pressão, foram alguns problemas da equipe na partida que até conseguiu impor seu ritmo durante um período de tempo e sofreu ponto. 

Mas isso não foi o suficiente para sair de campo com a vitória principalmente quando ficou com menos um. De novo, a irregularidade foi o principal problema do time, que no meio de campo fez um grande jogo em casa, mas no domingo mostrou otura face no Independência. 

O maior desafio de Barbieri é buscar novamente o equilíbrio do Flamengo, que desde o retorno da Copa do Mundo, não consegue encaixar uma boa sequência e alterna bons e maus momentos praticamente de três em três dias. 

Fechar