Manchester United pode virar chacota se não contratar Cristiano Ronaldo

Comentários()
Getty Images
O clube inglês sonha em repatriar astro do Real Madrid, mas as verdadeiras intenções do craque apresentam uma armadilha

Ele tem quatro Bolas de Ouro em suas prateleiras, anotou 406 gols nos últimos 394 jogos disputados entre clubes. Com a sua presença, Portugal conseguiu um feito inédito ao conquistar a Eurocopa em 2016 e pouco depois foi o grande protagonista de um bicampeonato inédito na era moderna da Champions League com o Real Madrid.

É lógico que estamos falando de Cristiano Ronaldo, que mais do que nunca passou a ser o assunto mais comentado nos jornais pelo mundo. Afinal de contas, o craque português manifestou um surpreendente desejo de abandonar o Santiago Bernabéu após ser acusado de uma milionária evasão fiscal. Com o luso aberto a propostas, é impossível não imaginar que o Manchester United esteja de olho na situação.

Cristiano Ronaldo Manchester United Champions League trophy(Foto: Getty Images)

Cristiano Ronaldo é um ídolo do Manchester United, um dos jogadores mais populares entre a torcida mancuniana. Entre 2003 e 2009, o português ajudou os Red Devils a conquistarem nove troféus – incluindo uma Champions League. A notícia de que o atual melhor jogador do mundo quer deixar o Real Madrid não poderia ser mais bem-vinda em um clube que esbanja investimentos e poderio financeiro. Mas é bom ir com muita calma atrás do objetivo.


VEJA TAMBÉM:


É claro que a notícia envolvendo a situação de CR7 chegou aos ouvidos de Ed Woodward. O vice-presidente executivo do clube vermelho é conhecido pela grade experiência na questão comercial do esporte e garantiu contratações de impacto midiático desde que assumiu o posto em 2013, após a saída de David Gill como chefe executivo.

Ed Woodward Manchester UnitedMourinho e Woodward ​(Foto: Getty Images)

As chegadas de Angel Di María e Paul Pogba [naquela que é a transferência mais cara da história] chamaram atenção, assim como a contratação de José Mourinho em 2016. O treinador mais midiático do mundo assumia o comando de uma das maiores forças mercadológicas do futebol, com o objetivo de ganhar e recolocar o United como maior protagonista nos holofotes europeus. Por isso, é impossível não imaginar que os dirigentes em Old Trafford não estejam em reuniões de emergência para descobrirem uma maneira para trazerem o ídolo de volta à sua casa. Um ídolo que é o grande rosto do esporte ao lado de Lionel Messi.

Entretanto, acredite: focar apenas em trazer CR7 pode não ser uma boa ideia.

A primeira questão é financeira, mesmo levando em conta os cofres do United. Cerca de £250 milhões (por volta de R$1 bilhão), ou mais, seriam necessários na soma de valores entre taxas, salários, bônus, valores para empresários e outros extras que entram nas negociações.

Jose Mourinho Cristiano Ronaldo Real MadridCR7 e Mourinho tiveram rusgas no Real Madrid (Foto: Getty Images)

E tudo isso por um jogador que Mourinho não quer em seu elenco: pelo simples fato de ambos não terem tido o melhor dos relacionamentos enquanto trabalharam juntos no Real Madrid. É difícil imaginar que, de uma hora para a outra, os compatriotas façam as pazes e construam um projeto vitorioso em Old Trafford.

O segundo cenário pode ser mais vergonhoso para o clube inglês.  Caso o United foque todas as suas atenções na recontratação do astro luso, pode perder o tempo para reforçar a base do time enquanto ninguém sabe se a postura de Cristiano é um blefe para fazer o Madrid pagar a conta pela evasão fiscal.

Cristiano Ronaldo Real Madrid(Foto: Getty Images)

Até porque CR7 vive o seu melhor momento no Real Madrid desde que chegou ao clube, em 2009. E os blancos enfim começam a colher os frutos do trabalho que objetiva um domínio europeu como o que teve no final da década de 50, e CR7 teve um papel preponderante para tal. O craque pode usar as propostas que chovem em seus pés para forçar o clube da capital espanhola a um acordo.

Números de C.Ronaldo na La Liga e Champions League 2016-17

Então, se existir a mínima chance de um retorno de Ronaldo a Old Trafford o Man.United precisa ficar ligado. No entanto, os Red Devils podem entrar em um jogo perigoso, dependendo das reais intenções de Cristiano nessa novela.

Fechar