Notícias Placares ao vivo
Malcom

Malcom comemora reação no Barcelona e avisa: "nunca vai ser fácil, aqui estão os melhores"

08:42 BRST 14/11/2018
Malcom Barcelona 2018-19
Brasileiro diz que está perdendo a timidez e vê Messi como um extraterrestre

Contratado por 41 milhões de euros pelo Barcelona na última janela de transferências, Malcom vem ganhando novas oportunidades na equipe e aos poucos vem perdendo a timidez que pode ter atrapalhado o seu início no clube catalão. Após sair do banco de reservas e abrir o placar para o Barcelona no empate com a Internazionale na Champions League, o brasileiro, em entrevista exclusiva à Espn Brasil, apontou que estava precisando do tento para ganhar mais confiança.

“Eu estava precisando do gol para dar uma aliviada na cabeça, me dar mais confiança, agora estou sendo mais liberal, perdendo a timidez, estou falando com todo mundo”, disse.

“É me dedicar cada dia o dobro de todos que passei pelos clubes, para estar pelo menos entre os 18 relacionados. Jogar futebol as pessoas pensam que é fácil. Olha na televisão, mas não sabe o que passa no dia a dia, nunca foi fácil, vim de uma família humilde, pegava ônibus sozinho com 10 anos para ir treinar", completou.

O brasileiro ainda falou sobre como é dividir o campo com o melhor jogador do mundo e o seu convívio com o craque.

"Para mim, Messi é o melhor do mundo. É difícil falar dele, você nunca sabe o que ele vai fazer porque ele não mostra dentro de campo. Então, é raro saber para onde ele vai e trocar passes com eles são para poucos. Estou tendo essa oportundidade e quero aproveitar também e ajudar para que ele volte a ganhar a Bola de Ouro", afirmou.

“Minutos antes de começar o jogo, ali no túnel, conversamos um pouco, ele falou para mim que sempre que ele tivesse a bola para fazer o facão, que ia e achar, ele acha porque ele é extraterrestre do futebol, é um cara que está sempre querendo o bem para o grupo, por isso ele é o capitão.", completou.

Números do Barcelona na temporada

Questionado ainda sobre o Corinthians, clube que entrou em campo com apenas 17 anos pelos profissionais, Malcom revelou que sempre que pode, acompanha o seu ex-clube.

"Mesmo o fuso não ajudando, no dia seguinte eu vejo porque os melhores momentos, a torcida cantando às vezes é de arrepiar. Sempre acompanho o Corinthians mesmo de longe e incentivando de alguma forma para que sempre siga no topo", disse.

Líder do Espanhol com 24 potnos, o Barcelona aproveita a pausa internacional antes de encarar o Atlético de Madrid, no próximo dia 24, no Metropolitano.