Mais lento, Flamengo volta da Copa do Mundo com menos explosão e vê liderança ameaçada

Comentários()
Flamengo/Divulgação
Time Rubro-Negro fez quatro pontos em nove possíveis desde o retorno do Brasileirão e soma atuações apagadas

Líder do Campeonato Brasileiro, o Flamengo vinha de um desempenho interessante até a pausa para a Copa do Mundo. Três jogos depois do Mundial, o time de Maurício Barbieri corre sérios riscos de perder a ponta após uma derrota, uma vitória e um empate em três jogos.

Que era um campeonato completamente diferente isso já era de se esperar, todas as equipes tiveram cerca de um mês para se ajustar e fazer uma nova "pré-temporada", inclusive o Rubro-Negro, que perdeu algumas peças importantes como Vinicius Júnior e Felipe Vizeu. 

Mas o que o time carioca vem demonstrando em campo é um pouco diferente da proposta de outrora. Mais lento, o Flamengo não consegue fazer uma transição rápida da defesa para o ataque, teve várias oportunidades diante do Santos, na Vila Belmiro, na última quarta-feira(25), mas pecou e acabou ficando apenas com o empate. 

Diego Santos Flamengo Brasileirao Serie A 25072018
(Foto: Flamengo / Divulgação)

A lentidão na saída de bola é a mesma para a movimentação dos atletas, que empolgava antes da Copa do Mundo justamente pela troca de posições e agilidade. A ausência de Vinicius Júnior tirou um pouco do "salseiro" pelo lado esquerdo, mas longe de ser uma desculpa para um time com vários jogadores de qualidade. 

A chegada de Vitinho será importante, rápido, habilidoso e com poder de finalização deve agregar bastante principalmente se não sofrer para se adaptar a nova equipe. Mas o meio-campo e principalmente as laterais precisam melhorar. 

Vitinho - CSKA
(Foto: Divulgação / CSKA)

Se Cuéllar se sustenta sozinho na marcação, ele precisa de ajuda para a saída de bola, Lucas Paquetá não vem conseguindo auxiliar-ló e tem saído esgotado das partidas. Quando recua, Diego perde a boa presença no ataque e Everton Ribeiro fica praticamente isolado. 

É um problema que Barbieri vai precisar corrigir para os próximos jogos, sem um jogador mais agudo nas pontas, já que tanto Sávio quanto Ribeiro procuram o meio, os laterais precisam aparecer na linha de fundo, no entanto, nem Renê nem Rodinei voltaram bem depois da Copa do Mundo. 

GFX Flamengo

No próximo domingo(29), o Flamengo encara o Sport, no Maracanã. Ao lado da torcida, a equipe precisa carimbar a vitória e ter uma boa atuação para recuperar a confiança, porque a partir da próxima semana, o Rubro-Negro terá jogos de vida ou morte nos mata-matas entre Copa do Brasil e Libertadores. 

Fechar