Notícias Placares ao vivo
Real Madrid

Longe na lista de melhores da Espanha, Cristiano Ronaldo dá a resposta na Champions League

07:00 BRT 07/08/2017
Cristiano Ronaldo, Paolo Maldini, & Pemain Dengan Gelar Liga Champions Terbanyak
O argentino foi eleito melhor jogador da história de La Liga, com o português ficando fora do Top 10


Por Tauan Ambrosio 


Lionel Messi foi considerado, pela CIHEFE [Centro de Investigações de História e Estatística do Futebol Espanhol], o maior jogador da história do Campeonato Espanhol.

A constatação é óbvia, já que estamos falando do grande craque do Barcelona em todo os tempos e, principalmente, por ser o maior artilheiro da liga espanhola. No total, foram 349 gols.

O que surpreendeu, no entanto, foi a colocação de Cristiano Ronaldo. O português foi apenas o 17º, não ficou nem mesmo no chamado Top 10.

A surpresa fica por tudo o que o camisa 7 do Real Madrid representa, mas não chega a ser um exagero. Em oito temporadas vestindo a camisa merengue CR7 fez inúmeros gols, mas só conquistou duas vezes o título. Messi soltou o grito de “Campeón!!!” por oito vezes em 13 anos.

(Foto: Getty Images)

O torcedor do Real Madrid só não deve ter ficado tão revoltado, porque o segundo na lista é um dos maiores ídolos do madridismo. E que, embora não seja um Cristiano Ronaldo, tem mais carinho junto aos torcedores blancos: Raúl González, que em 16 anos no Santiago Bernabéu foi campeão espanhol em seis oportunidades.  

A lista, que teve critérios respeitáveis levando em consideração o que é possível documentar sobre os jogos do passado, conta com outros nomes históricos, como Di Stéfano, Luis Aragonés e muitos outros.

Tanto Messi quanto Cristiano Ronaldo já estão entre os maiores de todos os tempos, e deixar um de lado para exaltar apenas o outro é pura bobagem: curta os dois!

Mas a lista também é um documento da queda do Real Madrid no cenário nacional nos últimos anos. Os merengues são os atuais campeões, mas conquistaram apenas três vezes o título nos últimos dez anos.

(Foto: Getty Images)

Na Champions League, o objetivo maior de ambos, o cenário já é favorável ao Real Madrid. Nos últimos cinco anos, os merengues conquistaram o máximo troféu europeu em três oportunidades. E com CR7 sempre decidindo nas campanhas.

Ou seja: na corrida frenética pelo topo do futebol mundial, se a distância de Messi é grande dentro do Campeonato Espanhol o cenário é diferente na Champions League. E ainda que a disputa seja extremamente equilibrada, nos critérios de conquista - ainda que os dois tenham quatro, CR7 foi mais decisivo na primeira delas, enquanto que Messi participou menos em sua primeira campanha vitoriosa - e gols marcados [105, o maior artilheiro da história no torneio] o português é melhor. Pelo menos antes do início da edição 2017-18.


VEJA TAMBÉM: