Liverpool pode ter Firmino na final da Champions e Klopp não descarta volta de Keïta

Comentários()
Getty Images
Atacante brasileiro será reintegrado aos treinos nos próximos dias, mas meia guineense ainda está longe de ter condições de encarar o Tottenham

Em contagem regressiva para a final da Liga dos Campeões da UEFA, o Liverpool vai trabalhando para ter força máxima no duelo contra o Tottenham, marcado para sábado, dia 1º de junho. E, se Naby Keïta ainda é tido como presença improvável na decisão em Madrid, a situação de Roberto Firmino é bem diferente, já que o jogador já retomou os treinos ao lado dos companheiros.

Fora de ação há cerca de um mês, o brasuca ficou de fora da reta final da temporada da Premier League e viu o belga Origi decidir na goleada sobre o Barcelona, nas semifinais, mas o técnico Jürgen Klopp ainda adota certa cautela sobre a chance de vê-lo em campo no Metropolitano.

QUER ASSISTIR JOGOS AO VIVO OU QUANDO QUISER? ASSINE O DAZN E GANHE O 1º MÊS GRÁTIS PARA EXPERIMENTAR!

"Bobby parece muito bem agora, já está participando dos treinos", disse o alemão ao site oficial do clube. "Ele não ficou muito tempo fora, mas é claro que ainda precisamos tomar cuidado, e garantir que nada aconteça."

"Ainda temos alguns dias (até a final) e pretendemos usar cada um deles, por isso ele vai ficar entrando e saindo do time até lá. Ontem ele jogou no treino em campo reduzido, mas já é bom para ele, é o primeiro passo para voltar a jogar futebol. Amanhã ele vai participar de todo o treino, espero que ele se sinta bem já."

Com relação a Keïta, Klopp ainda mantém os dois pés bem atrás e não pretende correr com a recuperação do jogador - ainda mais com a iminente disputa da Copa das Nações Africanas, onde deve representar sua seleção de Guiné.

Mais artigos abaixo

"Naby está um pouco à frente na programação, mas isso não quer dizer nada para a final", continuou. "Ele está fazendo suas arrancadas e todas essas coisas (físicas), ele consegue trabalhar com 50 por cento de intensidade mas ainda falta muito (para sua recuperação)"

"Seria ótimo se ele chegar a 100 por cento e conseguir jogar a Copa das Nações, mas ainda não sabemos, vamos ver, vamos trabalhar com o departamento médico deles (Guiné) porque, no fim das contas, se um jogador está em condições, ele deve poder jogar por seu país."

Com pouco mais de uma semana até a final da Champions, os Reds seguirão na ilha de Marbella, na Espanha, em preparação para o duelo, e a chance de ganhar o único título da temporada 2018/19.

Fechar