Notícias Placares ao vivo
Brasileirão Série A

Brasileirão 2017: Liderado por trio, Corinthians aposta em defesa sólida para brigar pelo título nacional

08:30 BRT 11/05/2017
Jadson Corinthians Ponte Preta 07052017
Time iniciou o ano considerado como a quarta força do estado de São Paulo, mas calou os críticos e chega confiante

Após ficar fora de classificação à Libertadores no Brasileirão 2016, as dúvidas passaram a ser muitas no Corinthias. Uma delas, quem seria o comandante do Alvinegro na próxima temporada. Outra se Jô, que retornou ao clube e treinou como elenco desde novembro, daria conta do recado de ser o atual camisa 9 corintiano.

Mas essas dúvidas já não pairam mais pela cabeça do torcedor. Fábio Carille permaneceu no comando, ajustou o setor defensivo e, aos poucos, dá a sua cara ao Timão.


DESEMPENHO EM 2017


O Corinthians entrou no Campeonato Paulista sendo considerado a quarta força do estadual. Mas o Timão calou os críticos. Com Rodriguinho, Jadson e com o "Rei dos Clássicos", Jô, o Alvinegro chegou à decisão do estadual sem perder nenhum clássico, com o camisa 9 marcando em todos eles e acabou conquistando o título com merecimento e acabou com a "Maldição de Itaquera", na qual se referia a ausência de títulos da equipe em sua nova casa.

Na Copa do Brasil o Corinthians oscilou. Na primeira rodada, bateu a Caldense por 1 a 0, enquanto na segunda fase, passou na disputa de pênaltis contra o Brusque (5 a 4). Na terceira parte do campeonato, o Timão venceu o Luverdense fora por 2 a 0 e avançou à quarta fase após ficar no 1 a 1 em Itaquera. Mas todos os adversários eram de menor peso de camisa. Quando veio a quarta fase, o Alvinegro empatou no Rio Grande do Sul e em São Paulo com o Internacional, foi eliminado nos pênaltis e deixou o torneio que seria um caminho para a Libertadores, no meio do caminho.


PONTO FORTE


Sem dúvidas, o ponto forte corintiano está na defesa. Fábio Carille - discípulo de Tite - armou a equipe de uma forma que a torcida acostumou a ver: tomando poucos gols, e também com poder de reação, como por exemplo quando a equipe bateu o Palmeiras em Itaquera com um jogador a menos. 


PONTO FRACO


O time toma poucos gols, mas também marca menos vezes. Apesar de ter mostrado eficiência na reta final do estadual contando com o brilho principalmente de Rodriguinho e Jô, o Corinthians terá de melhorar sua eficiência no ataque para não voltar a ser aquele time dos empates de temporadas atrás. 

 


O CRAQUE DO TIME



(Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Jô tem sido o cara no elenco corintiano. Após passar três meses treinando no Corinthians desde o seu retorno, o atacante superou as expectativas. Ele marcou gols em todos os clássicos, além de ter participação fundamental nos ataques do Alvinegro, quando deixa a área para dar opção para as chegadas de Rodriguinho e Jadson. Se permanecer com a estrela brilhando, o camisa 9 pode ser o artilheiro do Timão no nacional.

 


TIME BASE


A equipe principal do Timão ganhou corpo durante o estadual, com as chegadas do volante Gabriel e Jadson. O time base do Corinthians para a disputa do Brasileirão tem Cássio, Fagner, Balbuena, Pablo, guilherme Arana, Gabriel, Maycon, Rodriguinho, Jadson, Romero e Jô.

No banco, Fábio Carille tem nomes de jovens promessas do Alvinegro que, nos momentos que atuaram, agradaram aos torcedores, como Léo Jabá e Pedrinho.