Notícias Placares ao vivo
Liverpool

Jornal afirma que vestiário do Liverpool já está 'assumindo' a saída de Coutinho

11:22 BRST 16/12/2017
Philippe Coutinho Liverpool
Brasileiro teria feito um acordo com o clube e até Klopp já teria mudado seu discurso em relação ao meia dos Reds

O Barcelona pode estar mais  próximo de Coutinho. De acordo com o jornal catalão Mundo Deportivo, mais e mais sinais estão apontando para o fato de que, após a frustrada tentativa no último mercado de verão, Philippe Coutinho finalmente chegará ao Barça. E a sua contratação pode ocorrer já em janeiro.  

Jürgen Klopp se recusou a falar sobre a partida de Coutinho em público no verão passado. Agora, por outro lado, ele não só se atreve a dizer que "Mané, Firmino e Salah não sentem tanto a ausência de Coutinho", e até o deixou o brasileiro no banco depois de marcar um hat-trick na Champions League  dando ainda duas assistências. Um gesto que, segundo o jornal, enfureceu ainda mais o jogador e o encheu de motivos para deixar Anfield. 

Para o Mundo Deportivo existem ainda mais indicações de sua saída. Além dos gestos do treinador, os companheiros do brasileiro de Liverpool já estariam assumindo que a partir de janeiro não irão compartilhar os vestiários com o Coutinho. Isso estaria sendo assegurado por círculos privados por alguns de seus colegas, com quem o brasileiro compartilha uma grande amizade e intimidades. 

Embora tenham tentado convencê-lo a ficar no Liverpool, pelo menos até o verão, eles veem que o meio-campista brasileiro já tem sua mente fora da Inglaterra. Embora saibam que a equipe perderá o potencial sem a presença dele, eles também entendem sua situação e respeitarão sua decisão ao máximo. 

Foto: Getty

A tentativa frustrada no verão passado do Barça teria deixado Coutinho 'abalado' e assim puderam comprovar quem compartilha o vestiário com o jogador. Philippe forçou até o máximo, tendo inclusive feito o "pedido de transferência" (transfer request) para a sua diretoria, mas nem mesmo estas coisas conseguiram ceder e os Reds conseguiram evitar sua saída pedindo 200 milhões euros. Agora, e após o compromisso que fizeram com 'Coutinho' para deixá-lo sair em janeiro, a equipe 'vermelha' não vai desistir, mas virá colocará um preço alto novamente.