Notícias Placares ao vivo
Juventus

Jogadores da Juventus partiram pra cima dos atletas do Real Madrid após eliminação

07:32 BRT 13/04/2018
2018-04-13 Buffon Juventus
O clima esquentou no acesso aos vestiários do Santiago Bernabéu após o pênalti que garantiu a classificação dos espanhóis às semifinais da Champions

A eliminação na Champions League foi um golpe duro demais para os jogadores da Juventus digerirem.

Os italianos venciam o Real Madrid por 3 a 0, em pleno Santiago Bernabéu, antes de o árbitro Michael Oliver apitar um pênalti polêmico nos acréscimos do segundo tempo: o gol de Cristiano Ronaldo classificou os espanhóis pelo placar agregado de 4 a 3.

Antes mesmo da penalidade ser batida, o goleiro Gianluigi Buffon foi expulso e outros jogadores da equipe italiana não esconderam a revolta. O clima de tensão, porém, não acabou após o apito final.

“Os jogadores da Juventus estavam furiosos, e tentaram fazer os jogadores do Real pagarem por isso”, afirmou uma fonte para a Goal.

(Foto: Getty Images)

O clima nos vestiários realmente foi tenso. Zagueiro da Juve, Giorgio Chiellini afirmava que os jogadores do Real Madrid haviam dado dinheiro ao árbitro – acusação também feita em campo – e a presença de Sergio Ramos no túnel que dá acesso aos vestiários também causou polêmica.

Ramos estava suspenso, e não poderia estar no local. Por isso, o zagueiro ainda corre risco de ser suspenso pela UEFA. Em 2014, uma situação semelhante aconteceu com o Madrid, quando Xabi Alonso entrou no gramado para comemorar o título da Champions e também foi punido com alguns jogos pela entidade europeia.

No entanto, o Real Madrid mantém confiança que Sergio Ramos não será punido pelo fato de o espanhol não ter sequer pisado no gramado do estádio.