Iker Casillas: dois a três meses de repouso após infarto do miocárdio

Comentários()
Twitter
Com a expectativa de deixar o hospital já no sábado, goleiro espanhol está fora do restante da temporada do Porto

Iker Casillas vai ficar de dois a três meses de repouso, sem fazer grandes esforços físicos, depois de sofrer um enfarto agudo do miocárdio durante o treino do Porto na última quarta-feira pela manhã. A Goal sabe que a recomendação já foi passada ao goleiro espanhol que, depois de fazer um cateterismo de emergência, está bem e tem o quadro de saúde estável.

A expectativa é que o camisa 1 dos dragões receba alta hospitalar já no sábado. Nas semanas seguintes, vai ter um acompanhamento diário, além da necessidade de tomar medicamentos para ajudar no processo de recuperação. Com isso, está mesmo fora do restante da temporada (três jogos na Liga e a final da Taça de Portugal contra o Sporting).

Nas últimas horas, Casillas tem recebido a visita de familiares, amigos e companheiros de time. A esposa e jornalista Sara Carbonero e o empresário Carlo Cutropia são as pessoas que têm acompanhado mais de perto o jogador de 37 anos desde a internação.

Mais artigos abaixo

"Está tudo controlado por aqui. Foi um grande susto, mas estou com as forças intactas", escreveu o eterno ídolo do Real Madrid e da seleção espanhola, nas redes sociais, poucas horas depois de passar pelo cateterismo.

Nos bastidores do Porto, há quem diga que Iker Casillas, que tem contrato até junho de 2020 (com opção de renovação automática por mais uma temporada), deve mesmo abandonar a carreira. Qualquer confirmação nesta linha, no entanto, ainda é prematura.

"Vai depender também da vontade dele em continuar. Só depois de muito diálogo é que se vai decidir se vai continuar. Mas a verdade é que ele vai ficar completamente recuperado", explicou Nélson Puga, médico do clube português, em entrevista ao Porto Canal.

Fechar