Ibrahimovic: "Os franceses me chamam de arrogante e são como eu, deveriam me adorar"

Comentários()
Getty
Atacante diz ainda que é vítima de racismo na Suécia

Zlatan Ibrahimovic é conhecido não só pelo seu grande desempenho em campo, mas também por não medir as palavras em suas declarações. Em entrevista ao Canal+Fraça, o atacante do Manchester United cutucou a população francesa.

"Aqui na França tive problemas com vossa atitude. Estranho. Por que? Pelo o que dizem e o que fazem. Vocês me chamam de arrogante e os franceses são conhecidos por ser arrogantes. Assim, sou exatamente como vocês. Deveriam me adorar, porque estou representando a França muito bem", disse o sueco, que arrancou risadas do entrevistador Olivier Dacourt, ex-jogador.

Zlatan Ibrahimovic PSG 21052016
(Foto: Getty Images)

Ibra falou ainda que não é respeitado em seu país natal, se dizendo vítima de racismo, por ser filho de um bósnio com uma croata, e desabafou sobre a forma que a mídia sueca o trata.

"Até hoje é assim. O que a imprensa sueca faz, me defende ou me ataca? Eles ainda me atacam, porque eles não conseguem aceitar que eu sou Ibrahimovic.  Se outro jogador sueco cometesse o mesmo erro que eu, eles o defenderiam. Mas quando se trata de mim, eles não me defendem. É ok para mim, porque isso é o que me faz mais forte", afirmou.

"Isso é racismo. Não digo que há racismo, mas eu diria que há um racismo velado. Isso existe, tenho certeza. Porque não sou Andersson ou Svensson, se eu fosse isso, eles me defenderiam mesmo que eu roubasse um banco", completou.

Zlatan Ibrahimovic Sweden
(Foto: Getty Images)

Apesar de ter nascido na Suécia e ter defendido a seleção nacional em 116 jogos, o atacante reclamou do tratamento dado pelos suecos.

"Eles não estão me defendendo como deviam, porque eu sou provavelmente o maior jogador da história da Suécia, O que eu fiz, ninguém fez. A Bola de oOuro da Suécia, o melhor mais venceu ela, tem duas. Quantas eu tenho? Onze Bolas de Ouro. Isso nunca tinha acontecido. O que eu fiz para o futebol sueco nunca tinha acontecido", disse Ibra.

Questionado se sua arrogância seria um fator para o mau tratamento, o atacante desconversou.

"Não importa (se acham que Ibrahimovic é muito arrogante). Sou o melhor que há. Ou você tem orgulho e aprecia o que tem, ou não", concluiu.

Próximo artigo:
Flamengo ainda busca solução para a zaga e lateral direita e esfria negociação para retorno de Jorge
Próximo artigo:
Toyota Football Stats vai se juntar à comunidade Goal Brasil no Facebook
Próximo artigo:
Boateng é apresentado no Barcelona e diz que Messi é o melhor de todos os planetas
Próximo artigo:
Jogo do Nantes é adiado após acidente aéreo com Sala
Próximo artigo:
Diretor do serviço de buscas demonstra pessimismo ao ser questionado se há chance de sobreviventes em acidente com avião de Sala
Fechar