Notícias Placares ao vivo
Guardiola

Guardiola: "Nossos pensamentos estão com as vítimas do atentado"

15:22 BRT 18/08/2017
Pep Guardiola
Técnico catalão que dirige o Manchester City falou sobre o ataque terrorista à La Rambla, ocorrido nessa quinta-feira (17), e avaliou ação no mercado

O Manchester City só entra em campo na próxima segunda-feira (21), diante do Everton, pela segunda rodada da Premier League. Pep Guardiola, porém, já enfrentou os microfones da imprensa nesta sexta-feira. Em entrevista coletiva, o técnico catalão abordou assuntos do futebol, como a possível contratação de Jonnhy Evans, e tocou em temas delicados, como o atentado terrorista em Barcelona.

"Nossos pensamentos estão com o povo de lá [Barcelona]. Já aconteceu na França e em Londres. Sinto muito pelas famílias que perderam um ente próximo. Barcelona se levantará e demonstrará que bonito país é a Catalunha e a Espanha. Esperamos que não aconteça novamente em nenhum lugar do mundo", afirmou.


VEJA TAMBÉM:


O treinador falou também sobre a possibilidade de contratação de Jonny Evans. O City ofereceu 18 milhões de libras (R$ 72,63 milhões na cotação atual) pelo jogador que defende o West Bromwich.

"É um jogador do West Bromwich e Tony Pulis [técnico do West Brom] já deixou muito claro [que não pretende liberá-lo]", afirmou o comandante dos Citizens.


(Foto: Getty Images)

Novos jogadores: "Os atletas da base não jogam só por estar na academia. Eles têm que ganhar as chances. Adarabioyo, Foden e Brahim estiveram conosco desde o princípio".

Kyle Walker: "Sua mulher está grávida. Por isso não veio a Girona".


(Foto: Getty Images)

Volta de Gündogan: "Quando tem os problemas que teve, é preciso estar 100% pronto para jogar. Em Girona, jogou uns minutos e é o primeiro passo".

Ronald Koeman e Everton: "Também fez bons trabalhos no Southampton, Benfica, Valencia e em todos os clubes que passou. Perdeu um grande jogador como Lukaku, mas buscou grandes atletas, será um dos melhores times da Premier League, estou certo disso".