G6, G7 ou G8? Os possíveis desfechos para a Libertadores via Brasileirão 2018

Última atualização
Comentários()
Alexandre Loureiro/Getty
Ao contrário do que aconteceu na última temporada, desta vez o máximo possível é um G7

Em 2017, a Chapecoense terminou a sua campanha na oitava posição do Campeonato Brasileiro e garantiu vaga para a Libertadores da América.

Isso aconteceu porque Grêmio (4º colocado) e Cruzeiro (5º) eram os respectivos campeões da Libertadores e Copa do Brasil, mas como terminaram no G6 do Brasileirão “abriram” outras duas vagas para o certame continental.

No entanto, a edição 2018 da nossa Série A não tem mais chances de terminar com um G8. Faltando uma rodada para o término do certame, os Atléticos Mineiro e Paranaense duelam pela última vaga na próxima Libertadores.

Se o Galo bater o Botafogo, no estádio Independência, garante a sua vaga. Mas se não vencer o Glorioso, terá que torcer para o rubro-negro paranaense não bater o Flamengo no Maracanã – dois pontos separam os xarás. As duas partidas estão marcadas para às 19h (de Brasília) deste sábado (01).

Existe apenas uma possibilidade de o Atlético-MG ficar com uma vaga na Libertadores caso seja ultrapassado pelos paranaenses: se o xará conquista o título da Copa Sul-Americana, que será decidida no dia 12 de dezembro contra o Junior Barranquilla, da Colômbia. Desta forma, um eventual título do Furacão deixaria o Campeonato Brasileiro com sete vagas para a Libertadores.

Próximo artigo:
Quem foi eliminado da Champions League 2018/19?
Próximo artigo:
Onde vai passar o jogo do Atlético-PR contra o Junior Barranquilla, pela Copa Sul-Americana?
Próximo artigo:
Futebol na TV: confira a programação de quarta-feira, 12 de dezembro
Próximo artigo:
Quantos gols Cristiano Ronaldo tem na carreira?
Próximo artigo:
Final da Copa Sul-Americana 2018: quando é, como é a disputa e mais informações
Fechar