Fred perde pênalti e chega a sete jogos de seca pelo Atlético-MG

Comentários()
Bruno Cantini/Atlético-MG
Atacante desperdiça cobrança de penalidade no primeiro tempo do confronto com o Palmeiras, no estádio Independência, e amplia jejum pelo Galo

Contratado em 8 de junho de 2016, junto ao Fluminense, Fred chegou ao sétimo jogo seguido sem marcar gols pelo Atlético-MG. Esta é a maior sequência do centroavante desde a sua chegada à Cidade do Galo.

O camisa 9 não balança as redes adversárias desde 16 de julho, quando deixou a sua marca no triunfo sobre o Atlético-GO, pela 14ª rodada do Brasileirão.


VEJA TAMBÉM:


Após o jogo ocorrido no Estádio Olímpico de Goiânia, o jogador passou em branco nos jogos diante de Bahia, Vasco, Jorge Wilstermann, da Bolívia, Fluminense, Internacional, Paraná e Palmeiras.

A sequência sem gols não incomoda o atacante que perdeu um pênalti no primeiro tempo do duelo com o Palmeiras, neste sábado (9), no Estádio Independência.

"Estar sem fazer gols na carreira é normal. Não vivo 20 anos de carreira só fazendo gols, é normal isso. Vou passar por momentos ruins e sou humilde para reconhecer que estou vivendo um pouco de dificuldade", afirmou.

Fred Atletico-MG Jorge Wilstermann Libertadores 09082017
(Foto: DOUGLAS MAGNO/AFP/Getty)

"Normal [perder pênalti], isso faz parte. Eu enfrentei o Brasil inteiro contra e, depois, fui artilheiro do Brasileiro. Isso para mim não é nada. Faz parte", acrescentou.

Autor de 23 gols na temporada, Fred havia ficado no máximo cinco jogos sem balançar as redes. O antigo maior jejum do centroavante ocorreu nos duelos contra Libertad-PAR (duas vezes), Cruzeiro (também duas vezes) e Flamengo. Os duelos ocorreram entre 19 de abril e 13 de maio de 2017.

Fechar