Florentino Pérez não aceitará cargo em comitê de uso do VAR após irritação com erros contra o Real Madrid

Comentários()
Getty Images
Decisões polêmicas em relação ao instrumento contra o Real Madrid nas últimas duas partidas dão razão ao presidente dos Merengues na recusa do convite

De acordo com informações obtidas pelo programa Chiringuito de Mega, o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez recusará o confite feito pelo mandatário da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) de ser membro do comitê de avaliação do VAR, o árbitro de vídeo.

Segundo o Chiringuito, Pérez teria se irritado com duas falhas consecutivas de uso do recurso em partidas contra a Real Sociedad na rodada anterior e no último domingo (13) contra o Bétis. No primeiro jogo, um pênalti não foi marcado a favor dos Merengues, enquanto o outro confronto citado teve um impedimento não assinalado dos donos da casa que resultou em gol.

GFX Real Madrid 14012019

Além da irritação com o erro, Florentino considera injusto ocupar um cargo oferecido pela RFEF enquanto possui vínculo com a equipe de Madri. Apesar de ter considerado aceitar o convite por conta da possibilidade de se envolver mais nas decisões da federação, a decisão final será negativa.

Vale lembrar que o VAR é uma novidade que foi implantada na La Liga nesta temporada. Os juízes podem utilizar o recurso em lances de gol para tirar dúvidas de eventuais infrações e para confirmar se há pênalti não assinalado pelo árbitro.

Próximo artigo:
Pogba quer renovar com o Manchester United, afirma jornal
Próximo artigo:
Mercado de transferências: Os últimos rumores de Barcelona, Real Madrid, PSG e todos os grandes clubes
Próximo artigo:
Ninho do Urubu: Flamengo 2019 tem elenco superior ao ano passado, mas ainda carente; veja a avaliação
Próximo artigo:
"Se Messi não merecia a Bola de Ouro, eu não entendo nada de futebol", diz Filipe Luís
Próximo artigo:
São Paulo x Guarani: Horário, local, onde assistir e prováveis escalações
Fechar