Flamenguistas defendem Vinícius Júnior após expulsão: "ele escorregou, foi acidente"

Comentários()
Gilvan de Souza/Flamengo/Divulgação
Atacante foi expulso apenas dez minutos depois de entrar em campo no clássico

O clássico teve de tudo, mas, infelizmente, um dos pontos que mais chamou atenção foi a arbitragem confusa de João Batista de Arruda, presente de forma negativa em vários momentos do dérbi carioca, inclusive no mais decisivo deles. O Flamengo venceu o Botafogo por 1 a 0 neste sábado, mas com um gol irregular de Rhodolfo logo no início da partida.

Além disso, existiram erros em cartões e faltas, um pênalti não marcado e a polêmica expulsão de Vinícius Júnior, após entrada em Igor Rabello, apenas dez minutos depois do jovem atacante entrar em campo.

Vale lembrar que o garoto foi o protagonista da polêmica no último clássico, quando comemorou com o "chororô".

Mais artigos abaixo

Para alguns, a expulsão foi justa, mas para outros, Vinícius Júnior escorregou e não teve intenção de acertar o jogador do Botafogo. Os atletas do Flamengo se enquadram no segundo caso.

"Percebi (erro no cartão para o Dourado). Talvez foi falta, mas o critério que ele usou foi errado. Se quisesse dar o cartão, teria que ser ali. Depois, fui na bola, e ele me deu o cartão para justificar o erro. Nos sacrificamos mais quando perdemos o Vinícius. Acho que não era para expulsão, ele escorregou. Mas não dá para voltar atrás", afirmou Jonas.

"Na minha opinião, o Vinícius escorregou. Não o vejo com essa maldade. Foi um acidente, mas temos que respeitar", opinou Diego.

Fechar