Notícias Placares ao vivo
Transferências

Ficar na Europa, volta ao Galo ou outro clube brasileiro: qual a melhor escolha para Bernard?

17:56 BRST 19/10/2017
Bernard Shakhtar 17 10 2017
Revelado pelo Atlético-MG, atacante vive ótimo momento no Shakhtar Donetsk e indefinição sobre futuro na carreira

Dois gols e uma grande atuação na vitória do Shakhtar Donetsk sobre o Feyenoord, por 2 a 1, nesta terça-feira (17), pela Uefa Champions League. Bernard brilhou, foi o nome do jogo e voltou a ser muito comentado nos últimos dias, inclusive especulado em várias equipes do futebol brasileiro.

O atacante tem contrato com o Shakhtar até julho de 2018, e foi especulado no Palmeiras e no São Paulo na última semana. O Atlético-MG, clube que o revelou, sempre é apontado como um futuro destino em caso de retorno do jogador ao futebol brasileiro. Além disso, existe a possibilidade de renovação com o clube ucraniano e também sondagens de outras equipes europeias. Diante disso, qual seria a melhor escolha para Bernard?

É claro que a decisão é pessoal do camisa 10 do Shakhtar, e cada um sabe o que é melhor para si mesmo, mas a análise não deixa de ser interessante.

if(!document.getElementById('59d3d3738159ef00042f561e')) { document.write('

'); } var _aep = _aep || []; (function(d, s, c) { var getTimestamp = function() { var date = new Date(); return ('00' + date.getFullYear()).slice(-2) + ('00' + date.getMonth()).slice(-2) + ('00' + date.getDate()).slice(-2); }; _aep.push(['tag', '59d3d3738159ef00042f561e', { /* add optional custom config here */ }]); var f = d.createElement(s); f.src = (d.location.protocol == 'https:') ? c.replace('http:', 'https:').replace('//akfs', '//s-akfs') : c+ '?r=' + getTimestamp(); var e = d.getElementsByTagName(s)[0]; e.parentNode.insertBefore(f, e); })(document, 'script', '//akfs.nspmotion.com/aep/tag/br/59d3d3738159ef00042f561e.cfg.js');

No caso de um retorno ao futebol brasileiro, o ideal seria o Atlético-MG. Tanto Palmeiras quanto São Paulo e o próprio Galo vivem momentos complicados e de instabilidade, mas o Alvinegro tem mais pontos favoráveis. 

(Foto: Getty Images)

O Verdão possui muitos jogadores para a função de Bernard, a pressão tem sido enorme e a exigência de uma resposta rápida é frequente, com os atletas sendo queimados rapidamente. O Tricolor vive crise e um momento de enorme cobrança, não tem existido planejamento algum e o atacante, pelo seu estilo, não se encaixaria muito bem na equipe.

Esses pontos dos dois clubes paulistas podem ser muito prejudiciais a Bernard, que precisaria de calma em um retorno ao futebol brasileiro. Afinal, depois de tanto tempo fora do Brasil, principalmente na Ucrânia, é necessária uma readaptação ao estilo de jogo tupiniquim, clima, futebol no país, ritmo de jogo, calendário e a várias outras questões. O camisa 10 poderia render ótimos frutos, mas seria difícil isso acontecer rapidamente. No Palmeiras e no São Paulo, por diversos motivos, o atacante poderia ser queimado logo nos primeiros jogos se não desse uma resposta imediata.

Já no Atlético-MG, apesar do momento do clube não ser dos melhores e da enorme concorrência atual no setor, Bernard teria mais chances de dar certo. Ele conhece o Galo, afinal, cresceu no Alvinegro, é muito querido pela torcida e conhece Belo Horizonte. Ele teria mais tranquilidade para trabalhar, uma situação mais favorável e certamente a Massa atleticana, a imprensa e o time teriam mais paciência com ele.

No entanto, não parece ser o momento certo para Bernard voltar ao Brasil e ao Atlético-MG. Em alta na Europa, é a hora propícia para o atacante seguir no Shakhtar Donetsk ou alçar voos mais altos no futebol europeu.

O camisa 10, afinal, tem sido titular absoluto e brilhado pela equipe ucraniana desde a última temporada, com a chegada do técnico Paulo Fonseca. Não à toa, neste ano, começa a Champions League sendo um dos destaques do time e decidiu o duelo com o Feyenoord.

Bernard vive seu melhor momento no futebol europeu, e o melhor para ele seria continuar no Velho Continente. Ou seguir no Shakhtar, onde depois de um início difícil, enfim mais adaptado e com moral, está jogando muito bem, ou ir para uma liga mais competitiva.