Fàbregas: "Não vou desistir de lutar por uma vaga na Copa do Mundo"

Comentários
Meia do Chelsea conquistou três títulos com a Espanha, mas não é convocado desde a Euro 2016

Cesc Fàbregas não defende a Seleção da Espanha desde que Julen Lopetegui substituiu Vicente del Bosque como treinador após a Euro 2016, mas o meio-campista do Chelsea está se recusando a desistir de representar seu país na Copa do Mundo da Rússia.

"Eu não sou um jogador que joga a toalha. Eu tenho uma pequena esperança, de alguma forma, mas eu sei que é difícil [para ser convocado para a Copa do Mundo]. Eu não recebi nenhuma convocação ou fui incluído em qualquer lista por todo este tempo.", disse em entrevista à Goal.

"De qualquer forma, não penso nisso porque mantenho o foco em atuar aqui [no Chelsea], mas talvez não seja estranho chamar alguém que defendeu a Seleção por 15 anos. Estou me concentrando agora no meu clube porque, no final, se você não faz as coisas certas em seu clube, é impossível receber a convocação e, se finalmente chegar, será perfeito", completou.

O jogador de 30 anos é o oitavo jogador que mais defendeu a Espanha: 110 jogos, tendo feito sua primeira aparição na Copa do Mundo em 2006, com apenas 18 anos de idade.

Cesc Fabregas Spain
Foto: Getty Images

O Chelsea, entretanto, tem um grande número de jogadores na Seleção em seu atual time. No entanto, além de Alvaro Morata, muitos deles também se esforçaram para ganhar a confiança de Lopetegui e Fbregas acha que Marcos Alonso, em particular, foi injustamente ignorado.

"Eu não faço parte desse time há um ano e meio e não sei como eles trabalharam, mas Pedro e [Cesar] Azpilicueta costumavam ir muitas vezes. Se as coisas funcionem bem, Morata poderia estar na formação com Diego Costa porque acho que são os melhores atacantes que temos", disse.

"Marcos, como eu, não teve sorte em ser convocado. Mas se continuarmos desafiando na Premier League e na FA Cup, então, quem sabe?", concluiu.

A Espanha, campeã do mundo em 2010, vai enfrentar Portugal de Cristiano Ronaldo, atual campeão da Eurocopa, no grupo B da Copa do Mundo da Rússia-2018. Marrocos e Irã completam os outros dois lugares do grupo.

Próximo artigo:
Ex-Barça leva multa recorde e pode até ser preso por briga com cantor na Turquia
Próximo artigo:
Os melhores jogadores da história da Seleção Brasileira
Próximo artigo:
Brasil x Argentina: o histórico do Superclássico das Américas
Próximo artigo:
Estreia oficial de Messi como jogador do Barcelona em La Liga completa 14 anos
Próximo artigo:
Jornal: Barcelona vai se afastar de Ronaldinho e Rivaldo por apoio a Bolsonaro
Fechar