Estádio para um milhão de pessoas? Fotos, autor, de quando é o projeto que viralizou e mais

Última atualização
Inhotim / Divulgação

Nascido no estado americano do Havaí, Paul Pfeiffer - não confundir com o personagem de Anos Incríveis - é um dos escultores mais conceituados de sua geração, conhecido por trabalhar, em suas obras, com cenas de eventos esportivos de massa.

E uma de suas obras mais famosas, chamada de "Vitruvian Figure", viralizou nas redes sociais nos últimos dias. A escultura consiste em um estádio, de três metros de altura, desenhado para ter um milhão de assentos. Ou seja: é um projeto artístico.

*Paul Pfeiffer não é mexicano, como diz o tweet.

Criada em 2008, a obra foi baseada no projeto do Estádio Australiano, inaugurado para as Olímpiadas de Sydney, em 2000. Em colaboração com os arquitetos da arena, a Bligh Voller Nield Architecture, Pfeiffer transformou o estádio para que ele tivesse uma capacidade de um milhão.

Mais artigos abaixo

Segundo o autor, a escultura foi baseada também em arquitetura romana e, como em outras obras de Pfeiffer, a crítica existe na subversão da cultura do espetáculo e das celebridades, se utilizando de cenas comuns - neste caso, uma arena - de eventos de massa para transmitir uma mensagem crítica.

A obra já passou pelo Brasil, em 2018, no Instituto Inhotim, museu de arte contemporânea de Brumadinho, em Minas Gerais. Ainda de acordo com o próprio autor, outra das críticas está no fato do projeto ser "impossível" de ser realizado e ao mesmo tempo trazer uma estética realista.