Em 17 de agosto, Zidane e Messi estreavam em suas respectivas seleções, mas em anos diferentes

Comentários()
Getty Images
Dois grandes ícones de seus países comemoram mais um ano desde que iniciaram suas histórias na seleção

Há 24 anos, Zinedine Zidane fazia sua estreia pela seleção francesa e, em 2005, era a vez de Lionel Messi, nesta mesma data.

Dois jogadores que, mesmo não tendo se encontrado em duelos, são ídolos inigualáveis de suas respectivas nações. Relembre a trajetória de cada um pelas suas seleções!

Zinedine Zidane

Zinedine Zidane France Brazil 1998 World Cup Final 1998
(Foto: PIERRE VERDY/AFP)

Na estreia de Zidane, o francês entrou contra a República Tcheca aos 18 minutos do segundo tempo, e ajudou sua equipe marcando dois gols, encerrando a partida em empate.

Em 1998, Zidane participou da Copa do Mundo sediada em seu país. Durante o torneio, o ex-jogador não teve o desempenho esperado, e sua redenção veio apenas na final, contra o Brasil, quando marcou dois gols de cabeça e definiu o título.

GFX_Zidane_170818

Durante o Mundial de 2006, Zidane foi o grande nome da final entre França x Itália. Tudo isso por ter dado uma cabeçada em Materazzi após ouvir insultos do jogador italiano. Zidane foi expulso da partida pouco antes da disputa por pênaltis que deu a taça para a Azzurra.

Lionel Messi

Lionel Messi Argentina Serbia y Montenegro 16062006
(Foto: Getty Images)

Em 17 de agosto de 2005, Messi estreou com a camisa azul e branca de sua nação, pela seleção sub-20, e consagrou-se campeão pela primeira vez internacionalmente durante a Copa do Mundo da categoria.

O jogador do Barcelona já defendeu a Albiceleste 128 vezes até o momento, e teve sua primeira participação em Copas do Mundo em 2006, realizada na Alemanha.

Na partida em que estreou no Mundial, contra a Sérvia e Montenegro, Messi se tornou o jogador mais jovem de Copas do Mundo (tinha quase 19 anos) a marcar um gol pela Argentina. O atacante fez o sexto tento da vitória por 6 a 0.

GFX_Messi_170818

Nas Olimpíadas de Pequim de 2008, Messi foi um dos responsáveis a conquistar o título pela seleção argentina. O jogador marcou gol contra o Brasil pela semifinal, e depois fez o seu tento na final contra a Nigéria, consagrando a Argentina como campeã.

Depois disso, Messi também participou das Copas do Mundo de 2010, 2014 e agora em 2018, a qual acredita-se que tenha sido a sua última participação em Mundiais. Além disso, também competiu nas Copas Américas de 2007, 2011, 2015 e 2016 (edição do centenário).

Fechar