Elenco forte permite ao Palmeiras brigar também pelo título do Brasileirão

Comentários()
Alexandre Schneider/Getty
Verdão diminuiu para seis pontos a diferença em relação ao líder São Paulo

Nenhum outro clube se saiu tão bem da maratona enfrentada no último mês pela sequência de jogos por competições diferentes como o Palmeiras. Classificado para as quartas de final da Libertadores e para a semifinal da Copa do Brasil, o Verdão mostrou também que pode brigar pelo título brasileiro mesmo colocando muitas vezes um time misto ou alternativo na competição por pontos corridos.

Desde que Luiz Felipe Scolari chegou ao Palmeiras, a equipe segue invicta no Brasileirão. São 14 pontos somados de 18 disputados (quatro vitórias e dois empates). Com os resultados da última rodada, aliás, a diferença para o líder São Paulo diminuiu para seis pontos. Já em relação ao vice-líder Internacional é de apenas três.

Boa parte disso, inclusive, se deve ao time reserva do Palmeiras. No entanto, o clube alviverde é um dos únicos que pode se dar ao luxo de pensar em ter um time para o Campeonato Brasileiro e outro para as duas competições de mata-mata graças a qualidade do seu elenco.

No clássico contra o Corinthians, no próximo domingo, Felipão já adiantou que escalará os reservas. “Estamos disputando o Brasileiro com a intenção de chegar lá na frente, mesmo que às vezes eu altere cinco ou seis posições. Temos jogadores que jogam muito bem. Vamos brigar pelo Brasileiro, sim, mas desde já quero dizer a vocês que, no jogo antes de Copa do Brasil e Libertadores, que são mata-matas, vamos mudar a equipe. Vamos jogar com o Corinthians com uma equipe diferente da que vamos jogar contra o Cruzeiro. Minha torcida já sabe e os dirigentes já sabem como é que vamos fazer no Brasileiro, na Copa do Brasil e na Libertadores”, afirmou.

Na prática, isso não tem mudado muita coisa. O Palmeiras se dá ao luxo de ter uma zaga “reserva” formada por Luan e Gustavo Gómez que vem jogando tão bem quanto a titular com Antônio Carlos e Edu Dracena. No meio-campo Thiago Santos vem sendo sempre elogiado. Isso sem falar em Lucas Lima, uma das principais contratações do ano, Hyoran e até Deyverson, que, com Felipão, subiu de rendimento.

A vantagem do São Paulo ainda é boa, entre as duas equipes ainda estão Internacional, Flamengo e Grêmio, mas o fato é que a chegada de Felipão deu novo ânimo ao Palmeiras e o torcedor pode se permitir a sonhar também com o título brasileiro.

Fechar